SOS São João: procedimentos estéticos e truques de última hora

bazar
02.06.2018, 10:00:00
Atualizado: 02.06.2018, 15:07:05
(Shutterstock/Reprodução)

SOS São João: procedimentos estéticos e truques de última hora

A menos de um mês para a festa começar, especialistas em beleza indicam quais procedimentos estéticos e truques ainda dá tempo de fazer para cair na farra junina

Junho chegou! E com ele, todos os burburinhos em torno do São João. Quer dar um up no visual para arrasar ainda mais nos festejos juninos? Conversamos com especialistas e reunimos dicas com resultados imediatos ou recuperação rápida que podem te deixar brilhando até a festa começar. 

Os procedimentos menos invasivos são os mais indicados, pois precisam de pouco tempo de recuperação. "Isso não quer dizer que existam procedimentos livres de riscos ou complicações, por isso a importância de escolher um médico com experiência na área, por menores que pareçam ser as intervenções", destaca Dr. José Amandio, que é membro titular da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica.

Tem temporada em clínica de emagrecimento pra secar aqueles últimos quilinhos, preenchimento com ácido hialurônico para melhorar o aspecto de rugas e marcas de expressão e até um simples leave-in para deixar os cabelos mais hidratados. E os preços começam em R$29,70. Confira!


(Foto: Shutterstock/Reprodução)

Rosto
Entre algumas opções para o rosto, está o preenchimento dérmico: substâncias absorvíveis que promovem um aumento de volume local, podendo atenuar ou camuflar rugas ou sulcos na face, suavizando algumas marcas. O valor do preenchimento varia entre R$ 1 mil e R$ 2 mil, dependendo da quantidade aplicada, e a recuperação é tranquila. No dia seguinte pode inchar, mas depois chega ao volume desejado.

“Preenchimentos com ácido hialurônico permitem um embelezamento global da face, com resultado imediato. Ocasionalmente pode gerar alguns pontos roxos que somem em cerca de três dias”, afirma Daniela Menezes, dermatologista da Clínica Osmilto Brandão. Por lá, eles também não falam em valores pelo mesmo motivo ético. Mas apuramos que uma aplicação do tipo, em clínicas de Salvador, custa entre R$ 800 e R$ 1.500.

Nas situações em que as rugas estiverem muito aparentes, a toxina botulínica dos tipos A e B pode auxiliar. Essa substância bloqueia os sinais nervosos para os músculos, diminuindo a contração muscular. "Na face, ela pode ser utilizada para minimizar as rugas faciais. São dezenas de músculos e o conhecimento dos pontos corretos é fundamental para um resultado satisfatório e com o mínimo de complicações", ressalta o cirurgião. A aplicação da toxina custa, em média, R$ 1.200.

A pessoa sai da clínica sem nenhum inchaço ou algo parecido e já começa a ver o efeito depois de cerca de 4 dias. Dá para fazer até uma semana antes do São João. 

Ambos os procedimentos são indicados para pacientes a partir dos 30 anos.

"Entretanto, mesmo procedimentos minimamente invasivos, às vezes apresentam complicações, que felizmente são incomuns, como pequenos hematomas ou equimoses, assimetria, queda da pálpebra, entre outras. Por isso, é importante conversar com o médico, entender os prós e contras e atentar para as recomendações de quanto tempo antes de um evento social é recomendado realizar qualquer  procedimento, cirúrgico ou não", alerta o Dr. José Amandio.


(Foto: Shutterstock/Reprodução)

Corpo
Bateu o desespero para entrar naquele look que guardou do São João do ano passado?  É possível reduzir medidas com apenas algumas sessões de procedimentos dermato-funcionais. Uma dobradinha milagrosa é a associação entre a criofrequência e a lipoescultura gessada.

A criofrequência é usada para gordura localizada e flacidez. A terapia age por meio da sinergia entre o frio (o aparelho vai até -10 graus) e ondas eletromagnéticas (1.050 watts). O encontro das duas temperaturas produz uma série de choques térmicos aos tecidos, que geram a tensão instantânea da pele, produzindo efeito desintoxicante, aumentando a oxigenação dos tecidos e, assim, produzindo colágeno, o que reduz a flacidez. Este encontro de temperaturas aliado ao calor provocado pela radiofrequência interna também desestabiliza o metabolismo local, “quebrando” a gordura (processo conhecido como lipólise). Os resultados da criofrequência são imediatos.

Já a lipoescultura gessada consiste em aplicações de de produtos ortomoleculares, manta com infra-vermelho longo, argiloterapia e massagem manual. Ao entrarem em contato com a pele, estes produtos aceleram o processo de queima da gordura, reduzem inchaço e eliminam líquidos. A técnica promove rigidez muscular, modelagem do corpo e regeneração das células.

“Nas 48h posteriores à aplicação, podem ser liberadas até 1.500 calorias e o resultado pode ser potencializado com alimentação equilibrada e exercícios físicos”, diz enfermeira esteticista Jamile Nonato, da clínica Revitalle Clinic (Av. Praia de Itapuã, 381, Vilas do Atlântico).

O valor da sessão varia entre R$ 170 e R$ 300. Lá, ela ainda associa o tratamento com o Power Shape, um sistema que une ultrassom cavitacional, radiofrequência multipolar, led e sistema pneumático de endermologia, e cuja sessão custa entre R$ 150 e R$ 250.

O paciente consegue uma boa resposta fazendo o tratamento uma vez por semana. Os dois procedimentos podem ser feitos no mesmo dia e cada um tem duração de uma hora. Mas se não for possível dedicar duas horas seguidas do dia, não tem problema! É só agendar os dois para a mesma semana, em dias diferentes. Duas a três sessões de cada um (criofrequência e lipoescultura gessada) garantem a redução de medidas, combate às gordurinhas e à flacidez. 

A fisioterapeuta Michela Zanotti, da Clínica de dermatologia Dr. Paulo Barbosa (Av. ACM 585, salas 505-507, Itaigara), cobra R$ 300 (sessão) pela lipoescultura gessada e R$ 600 (sessão) pela criofrequência. 

Barba, cabelo e bigode
Cortar o cabelo e ajeitar a barba costumam fazer milagres em quem está com cara de cansaço. Na Dr. Beard (R. Do Meio, 60, Rio Vermelho), o combo que inclui corte de cabelo e barbaterapia (limpeza, hidratação, vaporização para minimizar foliculite e ajustes no desenho da barba) custa R$ 79,90. O processo dura cerca de 1h30 e contempla ainda uma cervejinha de brinde. Lá tem sinuca e Playstation pra quem não quiser esperar lendo revista de fofoca.

Para quem não está com tempo ou dinheiro, fica aqui a dica mais prática, rápida, suave e barata: leave-in. “Recomendo sempre um bom leave-in antes e depois de ir à praia ou à piscina. É um protetor térmico que também auxilia quem usa muito secador e chapinha”, diz Edu Domingos, hair stylist do Studio S (Shopping Paseo Itaigara). Para o período, ele sugere apostar em linhas de Verão. As marcas preferidas do profissional são Kérastase, Keune e Floractive. Dessa última, o Eco Reduxer Leave In Protetor com 250ml sai a R$ 29,70 no site das Americanas.

Quer mais? Que tal uma máscara para fortalecer os fios? Você só precisa de quatro ingredientes: 1 colher de sopa de máscara reconstrutora, 1 colher de chá de óleo de abacate ou babosa, 1 colher de sopa de gelatina incolor e 100 ml de água. Hidrate a gelatina com a água e aqueça no microondas por 40 segundos. Adicione o óleo vegetal e a máscara reconstrutora. Misture bem. Com os cabelos lavados apenas com shampoo, aplique a máscara mecha por mecha, massageando bastante. Se você tem cabelo seco, aplique a máscara perto da raiz. Se o seu cabelo for mais oleoso, aplique apenas no comprimento. Faça um coque, coloque uma touca térmica e aguarde 15 minutos  Enxágue com água. Prontinho!

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas