Suspeito de tentativa de estupro é preso após ser espancado na rua em Feira

bahia
27.07.2021, 08:48:00
Atualizado: 27.07.2021, 08:48:43
(Reprodução)

Suspeito de tentativa de estupro é preso após ser espancado na rua em Feira

Chegada dos guardas municipais evitou linchamento; homem respondia em liberdade

Acusado de tentativa de estupro, um homem foi agredido por populares e preso pela Guarda Civil Municipal em Feira de Santana na tarde da segunda-feira (26). 

Imagens mostram o homem abordando uma mulher para tentar roubá-la e estuprá-la no bairro do Sítio Novo. Ele foi reconhecido por pessoas na rua depois que o vídeo com a cena circulou nas redes sociais nos últimos dias. 

Logo que foi reconhecido, o homem começou a ser espancado pelas pessoas. A chegada dos guardas municipais evitou o linchamento. "Ficamos sabendo que o cidadão que estava sendo espancado, estava sendo acusado de estupro. Procuramos saber sobre a vítima e nos mostraram um vídeo. Em seguida o filho da vítima chegou e nos levou até a casa dela, enquanto isso, outra guarnição conduziu o elemento para policlínica”, disse o guarda Jailton Assis ao Acorda Cidade.

O suspeito foi levado para uma clínica para receber atendimento médico. Indignada, a multidão seguiu até lá. A Polícia Militar informou que foi acionada para ajudar a conter as pessoas. De lá, o suspeito foi levado para a Delegacia de Atendimento à Mulher (Deam). A vítima de estupro também foi ouvida pela Polícia Civil.

De acordo com a polícia, ele já tem histórico por outras agressões sexuais e respondia em liberdade pelo crime de estupro. 

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas