Thales Bretas participa de missa em memória de Paulo Gustavo em Salvador

salvador
06.08.2021, 13:40:00

Thales Bretas participa de missa em memória de Paulo Gustavo em Salvador

Santuário de Irmã Dulce realizou missa de 3 meses da morte do ator

O Santuário de Santa Dulce dos Pobres, em Salvador, realizou nesta sexta-feira (6) uma missa pelos três meses da morte do ator Paulo Gustavo. O marido dele, Thales Bretas, acompanhou a cerimônia presencialmente em Salvador.

"Que homenagem linda e emocionante!!! No @santuariosantadulce , onde o PG ajudou a construir um hospital pra tratar de pacientes oncológicos. Missa linda, emocionante! Quanto amor o @paulogustavo31 ajudou a espalhar!!! Quero continuar com essa missão!", escreveu Thales em uma rede social, postando uma foto em que aparece ao lado de imagens de Dona Hermínia, personagem mais famosa de Paulo Gustavo, e de Santa Dulce.

(Foto: Reprodução)

A missa foi presidida pelo frei Giovanni Messias, reitor do santuário. Ele lembrou a paixão do ator pela obra de Santa Dulce e toda a ajuda que deu às Obras Sociais. No final, Paulo foi homenageado com uma salva de palmas. 

O humorista era devoto da religiosa e conheceu a vida de Santa Dulce pela versão do cinema, em 2007.  Ele logo passou a ajudar as Osid, chegando a doar R$ 1,5 milhão para o Hospital Santo Antônio, administrado pela instituição e que atende pacientes com câncer na Bahia. Também destinou R$ 386 mil para a compra de 33 monitores cardíacos para as enfermarias de lá.

"Sinto sua presença aqui hoje", diz a superintendente das Osid, Maria Rita Pontes, em vídeo postado nas redes sociais das obras. "A gente só tem a lhe agradecer por toda sua ajuda ao longo desses anos para as Obras de Irmã Dulce. E sei que lá do céu, você com Santa Dulce continua nos ajudando".

***

Em tempos de desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informações nas quais você pode confiar. E para isso precisamos de uma equipe de colaboradores e jornalistas apurando os fatos e se dedicando a entregar conteúdo de qualidade e feito na Bahia. Já pensou que você além de se manter informado com conteúdo confiável, ainda pode apoiar o que é produzido pelo jornalismo profissional baiano? E melhor, custa muito pouco. Assine o jornal.


Relacionadas