Três toneladas de óleo são retiradas da praia do Conde

bahia
17.10.2019, 18:41:56
Atualizado: 17.10.2019, 19:06:42
(Divulgação)

Três toneladas de óleo são retiradas da praia do Conde

Limpeza também acontece em Porto Sauípe, Subauma, Imbassahy e Praia do Forte

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.


Mais de três toneladas de óleo foram retiradas da Praia do Conde, no Litoral Norte, na tarde desta quinta-feira (17). A substância foi removida por equipes do Corpo de Bombeiros Militar da Bahia (CBMBA).

De acordo com os bombeiros, ao todo 75 profissionais atuam nas limpezas das áreas mais críticas das praias do Conde, Porto Sauípe, Subauma, Imbassahy e Praia do Forte, de forma manual - ou seja, sem auxílio de máquinas. O material recolhido foi depositado em locais adequados para posterior descarte. 

"Inicialmente estávamos com 50 pessoas por dia, hoje aumentamos esse efetivo e possivelmente iremos colocar mais pessoas se houver necessidade. Hoje sobrevoei mais uma vez, o litoral norte com secretários estaduais. Estamos acompanhando de perto toda a operação para identificar os pontos de maior impacto e atuar com mais eficácia", explica o comandante-geral do CBMBA, coronel BM Francisco Telles.

O Governo da Bahia divulgou que até o meio-dia desta quinta, haviam sido retiradas 155 toneladas de óleo em todo o estado.

Nesta quinta, a substância tóxica atingiu também o município de Vera Cruz, na Ilha de Itaparica, e algumas praias de Salvador, como as de Ondina e Farol da Barra, além de Praia do Flamengo. A situação mais crítica foi notada na Praia da Pedra do Sal, no bairro de Itapuã, quando uma grande quantidade do petróleo cru em forma líquida pintou a praia de preto, afetando corais e animais.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas
Correio.play
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/depois-de-zidane-renata-fan-recebe-parabens-de-david-beckham-assista/
Ex-jogador inglês enviou mensagem que foi reproduzida no ‘Jogo Aberto’, da Band
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/pf-cumpre-mandados-contra-quadrilha-que-fraudou-mais-de-r-4-milhoes-do-inss/
O grupo é investigado por, pelo menos, 80 benefícios previdenciários suspeitos
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/5-filmes-que-voce-deve-assistir-para-apreciar-as-trilhas-de-ennio-morricone/
Compositor, que morreu aos 91 anos, era grande nome da música no cinema
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/rapper-baiano-hiran-lanca-segundo-disco-galinheiro/
Disco tem participações especiais de Tom Veloso, Majur e outros artistas
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/serie-baiana-que-revela-salvador-sombria-ja-esta-disponivel-no-amazon-prime/
Produção tem roteiro e direção de Julia Ferreira, baiana que estudou cinema em Londres e Madri
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/netos-de-luiz-gonzaga-divulgam-nota-de-nojo-por-uso-de-musica-em-live-de-bolsonaro/
Jair Bolsonaro convidou o presidente da Embratur para tocar durante a live da última quinta
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/moradores-da-lapinha-falam-ao-contrario-e-tem-um-dialeto-o-gualin/
Há meio século, falar ao contrário é considerado sinal de pertença para os moradores “raiz” do bairro da Lapinha
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/elza-soares-aos-90-e-cheia-de-projetos/
Cantora lança releitura de 'Juízo Final' e faz live neste sábado (4), com participação de Flávio Renegado
Ler Mais