Unidade de saúde em Itapuã terá setor para atender casos suspeitos da covid-19

coronavírus
02.04.2020, 13:18:00
Atualizado: 02.04.2020, 13:18:49
((Foto: Valter Pontes/Secom))

Unidade de saúde em Itapuã terá setor para atender casos suspeitos da covid-19

Construído pelo governo do estado, equipamento será administrado pela prefeitura e aumentará para 65% a cobertura de atenção básica

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

Salvador ganhou mais uma Unidade Básica de Saúde (UBS) para reforçar a assistência na atenção primária da cidade. O local contará com um setor exclusivo para o atendimento de casos suspeitos da covid-19, doença causada pelo novo coronavírus. A unidade, localizada na Rua da Ilha, no bairro de Itapuã, tem capacidade para atender 650 pessoas por dia, beneficiando no total mais de 16 mil famílias cadastradas na Estratégia de Saúde da Família com os serviços oferecidos.

Essa é a terceira UBS construída pelo governo do estado e que será administrada pela prefeitura, através da Secretaria Municipal de Saúde (SMS). O novo equipamento, que teve investimento de R$ 3,5 milhões, foi inaugurado nesta quinta-feira (2) pelo governador Rui Costa e pelo prefeito ACM Neto, ao lado de seus respectivos secretários de saúde, Fábio Vilas-Boas e Leo Prates.

Os serviços de atenção oferecidos na nova UBS serão: de atenção integral, do recém-nascido ao idoso, que contará com acolhimento, atendimento médico, enfermagem, odontológico, além de atividades dos programas prioritários como hipertensão arterial, diabetes, tuberculose e hanseníase.

Ao todo, quatro equipes de saúde da família e quatro de saúde bucal atuarão na unidade. Também serão ofertados serviços de vacinas, coleta de material para exames laboratoriais, marcação de consultas, de exames e dispensação de medicamentos.

Casos suspeitos
Segundo o governador, enquanto durar a pandemia, os setores onde ficariam os consultórios odontológicos na UBS servirão como boxes de observação para abrigar os pacientes de casos suspeitos de coronavírus. Ele afirmou que, apesar do número de casos está abaixo da projeção, não é o momento de acomodação por parte da população.

“Estamos transferindo a administração desse equipamento para o município para ajudar nesse momento de crise que estamos vivendo. Vamos intensificar essas ações em Salvador e em todo o estado. Não é fácil fazer com que as pessoas se convencerem a ficarem em casa, mas precisamos manter esse isolamento. A Bahia vem tendo uma progressão abaixo do que era estipulado nas projeções, mas isso não pode nos dar confronto, nem gerar acomodação e achar que está tudo bem”, disse Rui.

Na oportunidade, o governador aproveitou para anunciar que o estado vai disponibilizar 140 leitos para o tratamento do coronavírus no Hospital Espanhol, que estarão prontos para funcionamento no próximo dia 10. Além disso, Rui também informou que vai implantar no Hospital do Subúrbio leitos de Unidade de Tratamento Intensivo adicionais exclusivos para o atendimento da doença.

“A ideia é ampliar a estrutura da área, mesmo com uma estrutura improvisada, para aumentar o número de leitos. Já temos a data para iniciar os atendimentos no Hospital Espanhol”, completou o governador.

(Foto: Valter Pontes/Secom)

Já o prefeito ACM Neto ressaltou que, com o esforço da parceria ente o governo e prefeitura, o distrito sanitário de Itapuã, após a entrega da nova UBS, saltará de 15% de cobertura na atenção básica de saúde para 65%. E, segundo ele, a tendência é que a porcentagem aumente ainda esse ano, e ultrapasse os 70%, com a inauguração de mais duas unidades no mesmo distrito: na localidade do Quilômetro 17 e outra no Campo Verde.

“Essa unidade de saúde se soma ao esforço que a prefeitura vem fazendo no distrito sanitário de Itapuã para ampliação dos serviço básicos de saúde. O investimento na atenção básica é fundamental, pois ela é a porta de entrada no sistema de saúde, é um trabalho permanente com a prevenção. Ela servirá para aproximar o serviço de saúde das famílias e levá-lo para dentro da casa das pessoas”, explicou Neto, que garantiu que com mais uma unidade de saúde entregue, o serviço de saúde poderá ser resguardado e suportar a pressão do aumento de casos do coronavírus.

*Com supervisão da subeditora Clarissa Pacheco   

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas