Unidades do Atacadão passam a receber pagamentos com cartão do auxílio emergencial

coronavírus
29.05.2020, 15:35:28

Unidades do Atacadão passam a receber pagamentos com cartão do auxílio emergencial

Lojas vêm adotando medidas de segurança durante a pandemia

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

As unidades do Atacadão na Bahia passaram a aceitar o pagamento das compras com o cartão de auxílio emergencial. A medida também vale para lojas do país inteiro. A iniciativa surgiu em parceria com a Cielo, responsável por criar a solução da máquina LIO. De acordo com estimativas do governo federal, cerca de 30 milhões de pessoas que não possuem conta bancária serão contempladas com o benefício. 

A novidade tem como objetivo contribuir para reduzir as longas filas que têm se formado nas lotéricas e bancos para o saque do pagamento, diminuindo assim os riscos de contaminação entre as pessoas. Para utilizar o cartão virtual em uma das lojas Atacadão, o beneficiário deverá informar a forma de pagamento ao operador de caixa antes de registrar a compra, gerar um código pelo aplicativo Caixa Tem com o valor total e realizar o pagamento.

Em nota, o Atacadão, que faz parte da rede Carrefour, informou tem buscado implementar diversas ações em prol da população e tornar cada vez mais acessível a compra de alimentos e itens essenciais.

Dentre as ações, está intensificando suas medidas de segurança com a higienização constante dos seus carrinhos, aferição da temperatura de clientes e funcionários, uso de máscaras por colaboradores, disponibilização de álcool gel para limpeza das mãos, fita adesiva fixada no chão para demarcação da distância necessária entre os clientes e proteção de acrílico nos check-outs. 

A rede criou uma cartilha de prevenção durante a pandemia, que inclui um protocolo de opoeração com higienização intensa nas lojas e farmácias, uso de álcool gel para todos os operadores de frente de caixa, atendentes e farmacêuticos, além de disponibilização do álcool em locais estratégicos, distribuição de máscaras para todos os colaboradores, instalação de paineis acrílicos em todos os caixas, sinalização de distância e limitação do número máximo de clientes por loja.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas