'Vamos nos esforçar', diz embaixador da China no Brasil sobre pedido de ajuda de Rui Costa

bahia
21.03.2020, 09:00:02

'Vamos nos esforçar', diz embaixador da China no Brasil sobre pedido de ajuda de Rui Costa

Rui Costa pediu leitos de UTI e respiradores para enfrentar pico de Covid-19

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

O embaixador da China no Brasil, Yang Wanming, respondeu à carta aberta enviada pelo governador Rui Costa. "Sr. governador, Já recebemos a sua mensagem. vamos esforçar por isso", escreveu no Twitter,em resposta ao gestor estadual.

Nesta sexta-feira (20), Rui Costa solicitou auxílio do país chinês para lidar com a pandemia de coronavírus na Bahia. Em seu Twitter, o governador publicou o documento em que pede apoio ao embaixador Yang Wanming para que a China envie materiais médicos, insumos e equipamentos para a Bahia e os outros oito estados nordestinos

Presidente do Consórcio Nordeste, Rui classificou o surto como a maior crise sanitária dos tempos modernos e descreveu para Wanming que a necessidade principal é de leitos de UTI e respiradores, “já que as projeções de enfermos indicam que haverá um déficit deste equipamento no momento do pico da pandemia”, escreveu. Na carta, o governador reitera a admiração pela república chinesa, bem como o seu povo. Há dois dias, a China deixou de registrar novos casos de contaminação.

“Sempre respeitamos o povo chinês e passamos a admirá-los ainda mais após ver como eles enfrentaram esse momento difícil. Estamos à disposição para estreitar os laços entre nossos povos. O cuidado com nossa população é a prioridade. Todos juntos contra o coronavírus. Vamos vencer!”, publicou Rui no Twitter.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas