Pedreiro diz que matou empresário em Camaçari após ter a mãe xingada

Ele já está preso e o empresário será enterrado domingo (4)

Publicado em 3 de janeiro de 2009 às 18:39

- Atualizado há 9 meses

O pedreiro Manoel Pereira dos Santos que invadiu o estabelecimento e matou um empresário na região de Camaçari foi preso na tarde deste sábado (3). Segundo informações do irmão da vítima, Janduí Leite, o acusado foi pego em Monte Gordo, após ter sido reconhecido pelo dono de um bar.

O irmão da vítima também afirmou que o pedreiro disse que matou o empresário Evandui Ribeiro Leite com uma facada no pescoço, pois ele teria xingado a sua mãe. 'Agora vou esperar que a justiça dê um destino para ele. Espero que fique preso uns 25 a 30 anos, no minímo', disse Janduí.

O enterro do empresário do ramo de gás que trabalhava há mais de 20 anos na cidade de Camaçari será neste domingo (4), às 10h, no Cemitério de Gleba H.

Veja também: