SAIBA MAIS

Aeroportos brasileiros anunciam reajuste nas tarifas de embarque

Mudanças estão previstas nos contratos das concessionárias

  • Foto do(a) author(a) Alô Alô Bahia
  • Alô Alô Bahia

Publicado em 15 de maio de 2024 às 18:45

Aeroporto Crédito: Divulgação

O Aeroporto Internacional Antônio Carlos Jobim, no Rio de Janeiro, e o Aeroporto Internacional Belo Horizonte, em Minas Gerais, aumentaram os valores das tarifas de embarque. As tarifas para viagens nacionais, pagas pelos passageiros na compra das passagens, passa de R$ 30,76 para R$ 32,10 no Galeão e de R$ 30,40 para R$ 31,69 em Confins.

Por sua vez, a tarifa máxima de embarque internacional passará de R$ 54,47 para R$ 56,85 no aeroporto de Galeão e de R$ 53,84 para R$ 56,12 no aeroporto de Confins. Os novos tetos tarifários, divulgados no Diário Oficial da União, poderão ser praticados 30 dias após sua divulgação. Os reajustes estão previstos nos contratos das concessionárias dos aeroportos como mecanismos de atualização monetária para preservar o equilíbrio econômico-financeiro.

Os tetos das tarifas de embarque e conexão de passageiros e de pouso e permanência de aeronaves foram reajustados em 4,38% para o aeroporto do Galeão e em 4,23% para o de Confins. Os tetos das tarifas de armazenagem e capatazia de cargas (atividade de movimentação de cargas e mercadorias nas instalações aeroportuárias) de ambos os aeroportos foram reajustados em 3,69%.