TRF nega habeas corpus a Marcos Valério nesta terça (13)

Pedido de liberdade do réu do mensalão foi recusado por unanimidade

Publicado em 13 de janeiro de 2009 às 18:35

- Atualizado há 9 meses

Réu no caso do mensalão, o empresário Marcos Valério Fernandes de Souza teve pedido de liberdade negado por unanimidade pelos desembargadores do Tribunal Regional Federal (TRF) de São Paulo nesta terça-feira (13). Ele é investigado pela Operação Avalanche em suposto esquema para desmoralizar dois fiscais da Fazenda estadual de São Paulo que autuaram em R$ 105 milhões uma cervejaria cujo presidente é amigo dele.

Valério está preso desde outubro na Penitenciária II de Tremembé (SP), sob acusação formal de integrar um núcleo de espionagem de organização criminosa que também teria outras duas ramificações, uma para golpes de extorsão contra empresários em débito com o Fisco e outra para a prática de fraudes financeiras. Ele negou a acusação em depoimento.

Para o advogado Marcelo Leonardo, que defende Valério, a decisão do TRF abre caminho para ações nos tribunais superiores - o Supremo Tribunal Federal (STF) e o Superior Tribunal de Justiça (STJ). 

(Com informações do G1)