Namorado faz pedido de casamento em pleno Carnaval de Salvador; veja vídeo

O fisioterapeuta Danillo Caldas pediu a namorada em casamento e levou Lara Tupinambá às lágrimas

Publicado em 10 de fevereiro de 2016 às 12:46

- Atualizado há 10 meses

A probabilidade de você encontrar o amor da sua vida em meio a quase um milhão de pessoas nas ruas do Carnaval de Salvador é mínima. Com um empurrão do destino, fica mais fácil. Foi assim com a juíza leiga Lara Tupinambá, 26 anos, e o fisioterapeuta Danillo Caldas, 31, que ficaram noivos em plena folia. 

O casal, que namora há quase cinco anos, se conheceu durante uma festa de formatura e logo veio a troca de olhares. “A família dele é de Cruz das Almas e é muito amiga de uma tia minha que também é de lá.Nos conhecemos na formatura do meu primo, filho dessa tia e lá mesmo começou a paquera, mas não ficamos. Ele me deu uma rosa e depois começamos a conversar”, conta ela, que revela que o primeiro beijo do casal aconteceuna festa momesca.Lara ficou emocionada com pedido do noivo (Foto: Arquivo Pessoal) “O primeiro beijo foi no Carnaval. Nos encontramos no Morro do Gato, eu não resisti e beijei ele”, conta aos risos. Lara é apaixonada por Carnaval desde que se entende por gente. Quando criança, era levada pela mãe, Rosely Rocha, para curtir os blocos infantis nas ruas.

Na adolescência, passou a sair com as amigas, sempre com uma condição: Carnaval é em Salvador. Nada de viajar. A jovem cresceu, junto com seu amor pela festa momesca. E foi justamente em mais um dia de folia que ela viveu um dos momentos mais emocionantes da sua vida. Casal exibe aliança de noivado com orgulho (Foto: Arquivo Pessoal)Na segunda-feira de Carnaval (8), a família de Danillo veio de Cruz das Almas para Salvador e se juntou à família de Lara. Todos decidiram curtir a festa no Pelourinho – local que eles voltaram a se encontrar no mesmo dia em que deram o primeiro beijo. Brincalhona, ela pediu a Danillo diversas vezes para soletrar a palavra "decepção" por não ter uma data marcada para ficarem noivos.

Foi o que ele precisava para tornar o momento ainda mais especial. Também bem-humorado e apaixonado por farra, Danillo fez uma surpresa para Lara. No meio da festa, Danillo sacou um par de alianças do bolso e pediu que ela soletrasse felicidade enquanto exibia as alianças. Nervosa, ela agiu rápido e foi certeira: "felicidade não se soletra, se sente".

Em seguida, entrou na brincadeira e preferiu soletrar a palavra "sim", arrancando aplausos de quem acompanhava o momento. Emocionada, a noiva não conteve as lágrimas. “Eu só fazia chorar. Eu sabia que ia ficar noiva, porque escolhi as alianças com ele, mas não sabia quando e nem sabia se era brincadeira dele. Não imaginei que seria no meio do Carnaval”, conta ela.Amor de Carnaval se transforma em noivado em plena folia (Foto: Arquivo Pessoal)O pedido foi diferente do convencional e o fisioterapeuta conta o porquê. "A nossa história é como diz a musica da Timbalada: 'minha história de amor começou era carnaval era salvador'.Foi no carnaval que começamos a construir um relacionamento mais sério. Quem conhece a gente sabe o quanto somos festeiros e o quanto ela ama o carnaval. Tinha que ser lá", explica ele.

"Escolhi o Pelô porque todos os anos a gente sai lá com as nossas famílias e nossos amigos. Nada melhor do que juntar essas pessoas para fazer o pedido. Carnaval é a cara dela e a Banda Elke é nossa família. Então, tinha quer ser no carnaval. Foi como eu queria que fosse e o mais importante foi ver a surpresa e felicidade no rosto dela. Foi tudo numa proporção maior do que eu imaginei, mas de uma grandeza e felicidade que é do tamanho do nosso amor", conta apaixonado.

Os agora noivos devem oficializar a união no próximo ano. A data do casamento ainda não foi marcada.

Confira o momento do pedido: