Alerrandro diz que 'evitar rede social' e terapia ajudaram durante jejum de gols

Atacante superou seca e retoma posto de goleador do Vitória na temporada

  • Foto do(a) author(a) Giuliana Mancini
  • Giuliana Mancini

Publicado em 9 de julho de 2024 às 16:34

Alerrandro marcou dois gols contra o Corinthians
Alerrandro marcou três gols nos últimos dois jogos do Vitória Crédito: Victor Ferreira /EC Vitória

Pelo segundo jogo seguido, Alerrandro assumiu o protagonismo no Vitória. O atacante já havia sido um ponto positivo diante do Corinthians, com dois gols anotados, e voltou a se destacar contra o Criciúma, com um tento e uma assistência, para Lucas Esteves. Uma volta por cima e tanto para quem, até pouco tempo, enfrentava um jejum de pouco mais de três meses sem marcar.

Antes do duelo contra o Timão, o camisa 9 havia passado 106 dias sem fazer gols. O último tinha sido no dia 20 de março, quando o Leão perdeu do Bahia por 2x1, na Fonte Nova, pela fase de grupos da Copa do Nordeste. Depois daquele clássico, Alerrandro enfrentou uma longa seca, passando em branco em 16 partidas - ainda que tenha dado duas assistências e visto um gol ser anulado.

Em entrevista coletiva nesta terça-feira (9), o atacante revelou que se afastou das redes sociais nos últimos meses, e recorreu à terapia. Além do período de jejum nos gramados, o jogador revelou que lidou com um problema de saúde da filha, que já está recuperada.

"O primeiro passo é evitar rede social. Acho que isso foi fundamental. Eu faço bastante terapia fora. Me ajudou bastante. Mas tudo isso, se não tivesse trabalho por trás, dedicação, não mudaria essa chave", afirmou Alerrandro.

Neste período de seca do atacante, o Vitória conquistou o título do Campeonato Baiano, mas também foi eliminado do Nordestão e da Copa do Brasil. Já no Brasileirão, o clube teve um início turbulento, figurando na parte debaixo da tabela. Eis que, sem poder contar com o faro de artilheiro de Alerrandro, outro personagem se tornou um improvável homem-gol: o volante Willian Oliveira. Ao todo, ele balançou as redes cinco vezes na Série A, sendo o goleador rubro-negro na competição.

Mesmo com o jejum, o camisa 9 continuou entre os titulares, seja com Léo Condé ou com o atual técnico, Thiago Carpini. E a manutenção, enfim, vem dando frutos. Com os dois gols na derrota por 3x2 para o Corinthians e o gol na vitória por 2x1 sobre o Criciúma, Alerrandro retomou o posto de artilheiro do Leão na temporada. São nove gols em 31 partidas, além de cinco assistências. Willian Oliveira e Osvaldo aparecem na segunda colocação, com seis cada.

"Para o centroavante, acho que o gol é muito importante. Sei da minha importância com o grupo", disse o jogador. "Mesmo não fazendo gols, eu sei o tanto que estava ajudando a equipe. Sei o tanto que eu ajudo. Tinha na cabeça que, uma hora ou outra, o gol iria sair. Por isso que eu mantive tranquilo e focado", completou.

Para Alerrandro, a chegada de Thiago Carpini foi importante para sua evolução na equipe. "A bola chegando mais para mim, para definir, eu fico mais perto de fazer o gol. A mudança de característica de treinador me ajudou bastante", avaliou.

Destaque

Apesar do jejum enfrentado, o ano de 2024 tem sido especial para Alerrandro. Essa é a temporada com mais participações em gols da carreira do atacante desde 2019. Naquele ano, o jogador, ainda no Atlético-MG, balançou as redes 13 vezes e deu uma assistência em 29 compromissos. Na temporada atual, são as mesmas 14 contribuições, mas com mais passes (cinco) e menos gols (nove) em 31 jogos disputados.

Ao fim de 2019, Alerrandro foi contratado pelo Red Bull Bragantino. Mas demorou para repetir uma performance goleadora. Em seu primeiro ano com a camisa do Massa Bruta, o atleta somou oito participações, sendo cinco gols e três assistências, em 25 duelos. Já em 2021, esteve em campo 30 vezes, com seis contribuições (quatro gols e dois passes).

Os números só foram melhorar em 2022, quando o atacante balançou as redes nove vezes e deu três assistências - somando 12 participações em gols - em 35 jogos. Já em 2023, foram oito tentos e três passes em 33 partidas.

Temporadas de Alerrandro:

2018 (Atlético-MG): duas assistências em 12 jogos

2019 (Atlético-MG): 13 gols e uma assistência em 29 jogos

2020 (Red Bull Bragantino): cinco gols e três assistências em 25 jogos

2021 (Red Bull Bragantino): quatro gols e duas assistências em 30 jogos

2022 (Red Bull Bragantino): nove gols e três assistências em 35 jogos

2023 (Red Bull Bragantino): oito gols e três assistências em 33 jogos

2024 (Vitória): nove gols e cinco assistências em 31 jogos