Bahia entra na zona de rebaixamento após vitória do Cruzeiro

Time mineiro derrotou o Fortaleza no estádio Castelão

  • Foto do(a) author(a) Estadão
  • Estadão

Publicado em 19 de novembro de 2023 às 00:05

Cruzeiro derrotou o Fortaleza em pleno Castelão
Cruzeiro derrotou o Fortaleza em pleno Castelão Crédito: Cruzeiro/ Divulgação

O Cruzeiro foi a campo neste sábado (18) de Data Fifa para repor seu jogo atrasado contra o Fortaleza, pela 30ª rodada do Brasileirão, sob os olhares de todos os outros os times que brigam contra o rebaixamento, e conquistou uma importante vitória por 1x0 no Castelão, com gol marcado por Bruno Rodrigues. Foi a primeira partida do time mineiro sob o comando de Paulo Autuori, antes diretor técnico e escolhido para assumir como treinador interino após a demissão de Zé Ricardo.

Agora, os cruzeirenses estão fora da zona de rebaixamento, em 16º lugar, com 40 pontos, e ainda têm outro duelo atrasado para disputar quarta-feira, às 19h, pela 33ª rodada, com o Vasco, que também tem 40. O primeiro time da zona da degola agora é o Bahia, com 38. Já o time comandado por Juan Pablo Vojvoda chegou ao oitavo jogo seguido sem vitória, até por isso ouviu protestos da torcida, e está 12º, com 42.

O Fortaleza teve a intenção de propor o jogo desde o início do primeiro tempo e ,quanto não tinha a bola, conseguia sufocar a saída cruzeirense. Em termos de criação e efetividade, contudo, faltava qualidade ao time da casa, que tomou muitas decisões erradas no último terço do campo. Desconectado, teve algumas de suas melhores jogadas anuladas por impedimento, inclusive uma bola colocada na rede por Machuca. De qualquer forma, conseguiu colocar o goleiro cruzeirense Rafael Cabral para trabalhar em determinados momentos.

Do outro lado, o Cruzeiro mostrava muita dificuldade de movimentação e apostava em bolas longas que pudessem ser desviadas para um desfecho incerto, na maioria das vezes improdutivo. Em uma das raras exceções, quando conseguiu trabalhar a no chão com qualidade, Rafael Elias invadiu a pequena área, livre, mas não conseguiu alcançar a bola passada por William. Fora isso, mal assustou o goleiro João Ricardo.

Autuori mando a equipe mineira para o segundo tempo com Arthur Games no lugar de Rafael Elias e ganhou mais mobilidade no ataque. Depois de ver uma tentativa inicial de pressão do Fortaleza, conseguiu conter as ações ofensivas do adversário e, na segunda metade, passou a frequentar mais o ataque. Aos 34 minutos, uma boa trama foi concluída com cruzamento rasteiro de Ian Lucas e finalização de Bruno Rodrigues para a rede. O bandeirinha marcou impedimento assim que a bola entrou, mas a revisão do VAR validou o lance e permitiu uma explosiva comemoração dos cruzeirenses. A partir deste momento, a configuração do jogo foi de um desorganizado Fortaleza tentando superar um recuado Cruzeiro, sem sucesso.