SELEÇÃO BRASILEIRA

Dorival diz que ex-capitães Casemiro e Thiago Silva poderão retornar à Seleção no futuro

Os dois jogadores ficaram de fora da convocação para a Copa América

  • Foto do(a) author(a) Estadão
  • Estadão

Publicado em 10 de maio de 2024 às 14:57

Dorival Júnior em convocação da Seleção Brasileira
Dorival Júnior em convocação da Seleção Brasileira Crédito: Rafael Ribeiro/CBF

A seleção brasileira que disputará a Copa América contará com alguns jogadores muito jovens e outros com chance de se firmarem no grupo, mas chamou também a atenção o retorno de alguns medalhões - e a ausência de outros. Se por um lado o goleiro Alisson, o lateral Danilo e o zagueiro Marquinhos foram convocados, por outro o técnico Dorival Júnior deixou de fora dois jogadores que por muito tempo foram incontestáveis no time: o zagueiro Thiago Silva e o volante Casemiro, ambos ex-capitães do Brasil.

Assim como o seu time, o Manchester United, Casemiro tem passado por momentos de instabilidade no clube. Thiago Silva, por sua vez, teve boa temporada no Chelsea e foi recentemente anunciado pelo Fluminense - mas está prestes a completar 40 anos e dificilmente será opção para a próxima Copa do Mundo, em 2026.

Apesar disso, Dorival Júnior não descartou convocá-los no futuro Segundo o treinador, a ausência foi escolha de momento. "Com relação ao Casemiro, merece todo o respeito, de todos nós. Tive uma conversa com ele em Manchester há uns três meses, expus o que pensava sobre o momento dele, da sua equipe, e daquilo que eu precisava, necessitava. Não quer dizer, por não estar vindo neste instante, que está ou estará descartado, em sentido nenhum", ressaltou o técnico. "Ele sabe muito bem o que penso a respeito dele, isso é o principal."

Sobre Thiago Silva, Dorival Júnior disse ter conversado com o jogador recentemente. "Falei com ele há 10, 15 dias. É um jogador com história dentro da seleção, e como todo atleta com histórico aqui, tem que ser muito respeitado, como está sendo feito. A não convocação é em razão daquilo que acreditamos neste instante", considerou.

Dorival também exaltou a importância de contar com jogadores com rodagem na seleção. Ele elogiou sobretudo o lateral Danilo, que vem jogando como zagueiro na Juventus. "Eu acho que esse tema de liderança é muito importante. Se não tínhamos uma liderança, nós acabamos fazendo com que surgissem algumas outras nessa primeira convocação. O principal deles foi a presença e a postura que o Danilo teve até então, que não tinha. Quantas e quantas convocações o Danilo já havia tido, e, de repente, a representatividade que teve em relação a esse novo grupo foi muito importante", pontuou.