FUTEBOL INTERNACIONAL

Xabi Alonso mira Leverkusen na final da Liga Europa: 'Queremos merecer a nossa vitória'

Técnico quer usar o trauma da queda para a Roma no ano passado para fortalecer sua equipe neste ano

  • Foto do(a) author(a) Estadão
  • Estadão

Publicado em 8 de maio de 2024 às 15:35

Xabi Alonso é o técnico do Bayer Leverkusen, da Alemanha
Xabi Alonso é o técnico do Bayer Leverkusen, da Alemanha Crédito: Bayer Leverkusen/Divulgação

A dor do passado vira aprendizado para buscar o objetivo no presente. É com essa linha de pensamento que o técnico Xabi Alonso pretende levar o Bayer Leverkusen à final da Liga Europa. Para isso, a equipe alemã precisa superar o trauma da queda para a Roma no ano passado, também na semifinal do torneio, a fim de se credenciar na decisão do torneio.

Em entrevista coletiva nesta quarta-feira, o comandante disse esperar um desfecho diferente. "Não esquecemos a temporada passada. Nós sentimos isso. Precisamos usar essa energia e esperamos poder comemorar no final. Vamos colocar todo o nosso foco nos 90 minutos. Queremos merecer a nossa vitória e chegar à decisão em Dublin", afirmou o treinador.

O cenário para este confronto é favorável ao Bayer. No duelo de ida, os alemães derrotaram a Roma por 2 a 0 jogando como visitante. Para o compromisso de volta, a sua equipe se garante na final até mesmo com derrota por um gol de diferença. No entanto, o treinador garante estar precavido.

"A partida de volta é sempre uma situação perigosa, independentemente do resultado anterior. Estamos nos preparando para jogar bem, com boa motivação e dentro do nosso próprio estilo. Queremos ser agressivos, controlar e defender bem. Esperamos que a Roma venha com a esperança de se qualificar", disse o treinador.

Outro ponto que conta a favor dos alemães é o momento atual. O time vem da conquista do Campeonato Alemão e ainda ostenta uma invencibilidade de 48 partidas. Mesmo diante do amplo favoritismo, Alonso cobra respeito. "Precisamos focar em nosso objetivo para conseguir chegar à final", afirmou o treinador.