GPTW

Conheça o segredo das melhores empresas para trabalhar na Bahia

Ranking vai eleger companhias com as melhores práticas no ambiente de trabalho; inscrições estão abertas

  • Foto do(a) author(a) Estúdio Correio
  • Foto do(a) author(a) Victor Lahiri
  • Estúdio Correio

  • Victor Lahiri

Publicado em 26 de março de 2024 às 06:00

GPTW
Para participar do ranking é necessário possuir a certificação concedida pelo GPTW Crédito: Shutterstock

Em um mercado de trabalho que enfrenta mudanças cada vez mais dinâmicas, criar um ambiente corporativo positivo como forma de garantir os bons resultados tem sido uma das principais preocupações das empresas. Estratégias que visam viabilizar um clima acolhedor e colaborativo, buscando sempre a melhor experiência de todos envolvidos nas dinâmicas internas, têm ganhado destaque e despontam como atrativo para profissionais em busca dos melhores lugares para trabalhar.

Em 2024, a consultoria Great Place To Work (GPTW) vai avaliar, pelo 11º ano consecutivo, as melhores empresas para trabalhar na Bahia. Assim como nos anos anteriores, o Ranking GPTW vai classificar as companhias que concorrem ao prêmio através de uma série de critérios, como credibilidade, respeito, condições de trabalho, benefícios e remuneração. O resultado é fruto de uma pesquisa realizada junto aos colaboradores de cada participante.

Segundo o diretor regional (RJ, BA, SE e ES) do GPTW, Yago Moraes, as transformações do mercado em prol de relações de trabalho mais humanizadas tem impulsionado a inovação nas boas práticas de empresas, que logo são convertidas em bons resultados. “Uma abordagem mais humanizada nas empresas é capaz de criar um sentimento de pertencimento que traz uma série de benefícios tanto para o colaborador como para a empresa”, explica.

"Ano após ano, o Ranking GPTW tem destacado corporações que desenvolveram verdadeiros cases de excelência nas relações entre colaboradores e ambiente de trabalho, impulsionando a atração e retenção de talentos, além da conquista de excelentes resultados nos negócios"

Yago Moraes,
diretor regional (RJ, BA, SE e ES) do GPTW
Yago Moraes, Diretor Regional (RJ, BA, SE e ES) do GPTW
Yago Moraes, diretor regional (RJ, BA, SE e ES) do GPTW Crédito: Reprodução

Boas práticas

Nos últimos anos, as empresas mais bem colocadas no Ranking GPTW têm se destacado através de uma série de ações que visam o cuidado com os seus colaboradores. Confira algumas das principais práticas adotadas pelas campeãs das últimas edições.

1. O apoio à saúde mental

Muito tem se debatido a respeito dos cuidados com a saúde mental da sociedade em geral, mas a partir da pandemia, essa pauta passou a ser abordada com mais atenção pelas empresas. O apoio à saúde mental se tornou foco de discussões no ambiente corporativo, com o objetivo de aumentar a conscientização e o suporte à neurodiversidade e permitindo flexibilidade no ambiente de trabalho.

2. Ações focadas no bem-estar e diversidade

Atualmente, diversas empresas têm buscado diversificar o leque de recursos para acolher os variados grupos dos seus quadros funcionais e suas diferentes necessidades, que envolvem raça/etnia, idioma, país, neurodiversidade e localização. Com isso, têm agregado o uso de tradutores em equipes com pessoas cuja primeira língua não é a língua local; benefícios médicos que refletem as diferentes necessidades dos funcionários; mentoria/treinamento com funcionários de backgrounds semelhantes; programas de bem-estar financeiro relevantes para funcionários de baixa renda; serviços de apoio à imigração; ou, uma ênfase em estratégias de comunicação eficazes para funcionários neurodiversos.

3. Maior conscientização da comunidade

Por entender que as empresas são parte de um contexto social que vai além do ambiente corporativo, líderes e gestores têm encorajado os colaboradores a compartilharem como estão sendo afetados por questões fora do trabalho, podendo envolver desde questões sociais até desastres naturais.

4. Apoio aos trabalhadores de grupos minoritários

Os trabalhadores de grupos minoritários, em particular, possuem taxas mais altas de bem-estar nas “Melhores Empresas Para Trabalhar” do que em um ambiente de trabalho típico. Nessas empresas, a saúde mental das mulheres no ambiente de trabalho é quase 70% maior, a saúde mental dos imigrantes é 71% maior e a saúde mental é 52% maior entre os funcionários negros.

Cuidar, incluir e capacitar diversos grupos, pode impulsionar a inovação junto à concorrência. A pesquisa do Great Place To Work mostra que os níveis mais altos de inovação ocorrem quando todos os funcionários têm o poder de participar.

Parceria

Em mais uma edição, o Jornal Correio vai divulgar o ranking GPTW com as Melhores Empresas para Trabalhar na Bahia. A proposta de visibilizar as boas práticas no ambiente corporativo é uma missão assumida pelo veículo de comunicação líder no Nordeste, há 11 anos. "Temos uma grande satisfação em renovar a parceria com o GPTW a cada ano, pois se trata de um trabalho de grande impacto social e que contribui para fortalecer a inovação e as boas práticas desenvolvidas na Bahia”, Luciana Gomes, gerente Comercial e de Marketing do CORREIO.

Para participar do ranking é necessário possuir a certificação concedida pelo GPTW. A jornada de certificação inclui a aplicação de uma pesquisa de clima, que busca analisar a fundo o ambiente de trabalho, sob a ótica dos colaboradores, e o alcance do índice de 70% de favorabilidade nas questões (ou seja, a cada 10 funcionários, 7 precisam dar respostas positivas).

As inscrições para a 11ª edição do Ranking GPTW, seguem abertas até o próximo dia 30. Para fazer parte da competitiva é necessário ter 30 ou mais funcionários no Estado; estar sediada na Bahia (CNPJ da inscrição deve ser registrado na Região/Estado); e ser uma empresa certificada GPTW. As inscrições devem ser feitas através do link conteudo.gptw.com.br/jornada.

Assinantura Estudio Correio
O Estúdio Correio produz conteúdo sob medida para marcas, em diferentes plataformas.