SALVADOR

Ônibus são incendiados após ação policial no bairro de Pernambués

A Polícia Militar reforçou as ações de combate às facções no bairro após o incêndio nos veículos nesta sexta-feira (3)

  • Foto do(a) author(a) Da Redação
  • Da Redação

Publicado em 3 de maio de 2024 às 17:53

Ônibus incendiado em Pernambués Crédito: Reprodução/ Redes sociais

Dois ônibus foram incendiados na tarde desta sexta-feira (3), no bairro de Pernambués, em Salvador. O Corpo de Bombeiros foi acionado por volta das 17h20 para atender a ocorrência nas proximidades da Madeireira Brotas. Os atingidos foram um veículo da concessionária Plataforma, que fazia a linha 1673 – Shopping da Bahia x Fazenda Coutos, e outro da concessionária Ottrans, que operava a linha 1249 - Jardim Santo Inácio x Shopping da Bahia. Segundo a Secretaria Municipal De Mobilidade Urbana (Semob), a situação ocorreu após uma ação policial no bairro.

De acordo com informações da Semob, populares teriam invadido os coletivos e, após expulsarem passageiros e rodoviários, atearam fogo no veículo. Segundo os bombeiros, não há registro de vítimas com ferimentos.

Além do Corpo de Bombeiros e de equipes da Semob, a Transalvador foi direcionada ao local para a retirada dos coletivos, que serão levados para as garagens das empresas. Policiais militares da 1ª Companhia Independente da Polícia Militar (CIPM) e do Batalhão Gêmeos foram acionados e estiveram no local até que a situação fosse controlada.

Com a situação, o terminal do bairro foi transferido para a praça Arthur Lago. Foram afetadas as linhas:

  • 103 - Alto do Cruzeiro x Pernambués;
  • 1133 - Terminal Acesso Norte x Pernambués;
  • 1137 - Pernambués x Barra;
  • 1163 - Pernambués/Jd. Nova Brasília x Shopping da Bahia.

Populares que passavam pelo local registraram as chamas do veículo incendiado.

Reforço do policiamento no bairro

Equipes da 1ª CIPM, Rondesp Central e unidades especializadas reforçaram as ações de combate às facções no bairro de Pernambués, na noite desta sexta-feira (3). A Polícia Civil iniciou os levantamentos para identificar o grupo que colocou fogo em dois ônibus na região. Além de ouvir testemunhas, as equipes analisam imagens de câmeras da região.