SALVADOR

Presidiário é morto durante 'saidinha' de Dia das Mães em Castelo Branco

Carlos foi surpreendido por homens que invadiram uma residência e atiraram contra ele

Publicado em 13 de maio de 2024 às 18:36

Polícia Civil
Polícia Civil Crédito: Divulgação

Um homem, identificado como Carlos Eduardo Machado Correia, de 22 anos, foi morto a tiros na tarde desta segunda-feira (13), no bairro de Castelo Branco, em Salvador. O crime foi registrado na 2ª Delegacia de Homicídios (DH/Central), onde o caso é investigado.

Segundo informações preliminares do boletim de ocorrência da Polícia Civil, a vítima era presidiária e foi beneficiada pela Justiça com a saída temporária do dia das mães. Carlos foi surpreendido por homens que invadiram uma residência, atiraram contra ele e logo após fugiram.

De acordo com a polícia, PMs da 47ª Companhia Independente de Polícia Militar (CIPM) receberam a informação de que um homem havia morrido após ser baleado na Rua da Bica.

O Departamento de Polícia Técnica (DPT) foi acionado para realização da perícia e remoção do corpo. As investigações estão em andamento para a identificação dos autores e motivação do crime.

Morte no final de semana em Castelo Branco

Na madrugada do último sábado (13), um homem foi morto durante confronto com policiais da 47ª CIPM. A troca de tiros aconteceu numa localidade conhecia como Creche, enquanto faziam rondas na região. De acordo com a Comando de Operações de Policiais Militares (COOPM), os policiais foram acionados por populares com a informação de que pessoas estariam consumindo entorpecentes e portando arma de fogo.

Ao chegarem no local, a equipe se deparou com um grupo de homens armados que passaram a efetuar disparos. Houve revide e após cessar o confronto foi encontrado um suspeito caído portando uma metralhadora artesanal cal 9mm. O homem foi socorrido ao hospital Eládio Lasserre, onde foi constatado o óbito.

O material apreendido foi encaminhado ao Departamento de Homicídios e proteção à Pessoa (DHPP) para registro de ocorrência.