CONSCIENTIZAÇÃO

Transalvador promove ações do Maio Amarelo para motociclistas nesta quinta (16)

Uma das ações acontece no Salvador Shopping e a outra vai ocorrer no Largo da Mariquita, no Rio Vermelho

  • Foto do(a) author(a) Da Redação
  • Da Redação

Publicado em 15 de maio de 2024 às 19:00

A campanha Maio Amarelo é voltada para a conscientização sobre segurança viária e diminuição do número de acidentes e óbitos nas estradas soteropolitanas
A campanha Maio Amarelo é voltada para a conscientização sobre segurança viária e diminuição do número de acidentes e óbitos nas estradas soteropolitanas Crédito: Bruno Concha/Secom PMS

A campanha Maio Amarelo na capital baiana terá duas ações a serem realizadas para motociclistas, nesta quinta-feira (16), pela Superintendência de Trânsito de Salvador (Transalvador). Uma das ações acontece no Salvador Shopping e a outra vai ocorrer no Largo da Mariquita, no Rio Vermelho, com foco na redução de acidentes.

A ação no Salvador Shopping começa às 15h, na Doca 2, e tem o objetivo de sensibilizar os condutores de motocicletas que atendem por aplicativos e que fazem o pit stop nos centros de compras da capital baiana, com idades entre 18 e 45 anos, sujeitos a acidentes de pequena e grande proporção.

A atividade já ocorreu anteriormente com profissionais no Shopping Barra, atingindo uma média de 50 motociclistas de app. Já no Rio Vermelho, às 19h, uma palestra será realizada no ponto de encontro de motociclistas, dentro do programa Vivo na Moto.

"Além do sorteio, é distribuído ainda material informativo, mostrando os dados de ocorrência com motocicletas na capital baiana, para que eles se sintam parte deste cenário, que é o território de fala deles, e que todos estamos envolvidos nessa situação de prevenção, e que todos podemos contribuir com a redução da negligência e imprudência no trânsito, promovendo uma mudança de comportamento", declara a gerente de Educação para o Trânsito da Transalvador, Mirian Bastos.

A iniciativa de abordagem aos motociclistas conta com parceria da montadora Honda, que cedeu à campanha alguns brindes para serem sorteados no final de cada palestra, além de um capacete. "Essa é uma forma de apontarmos de forma ainda mais incisiva a necessidade da utilização do capacete, conforme recomendação da Organização Mundial da Saúde (OMS), que preconiza o uso do equipamento de acordo com a legislação, o que garante a redução de até 70% o risco de lesões graves em acidentes motociclísticos", lembra Mirian.

Preservar vidas

A campanha Maio Amarelo, voltada para a conscientização sobre segurança viária e diminuição do número de acidentes e óbitos nas estradas soteropolitanas, acontece durante todo o mês em pontos estratégicos da cidade.

O mote escolhido para 2024 é "Quanto mais velocidade, mais risco de consequências graves", e busca sensibilizar os motociclistas para a necessidade de reduzir a velocidade, que é hoje o principal fator de risco no trânsito.

A iniciativa segue orientação da Secretaria Nacional de Trânsito (Senatran), com o tema "A paz começa com você", focando na observação atenciosa em relação à velocidade nas estradas, de modo a evitar a ocorrência de incidentes mais graves. As ações voltadas para os motociclistas ocorrem a partir do diálogo direto, sempre voltado para a segurança.

De janeiro a março de 2024, a Transalvador registrou 21 vítimas fatais em acidentes envolvendo motos na capital baiana. Desse total, 20 foram motociclistas e um passageiro. No ano de 2023, foram registradas 113 mortes no trânsito, sendo 56% de motociclistas.