2022 será um péssimo ano para feriados; veja datas

em alta
20.12.2021, 13:21:53
(Foto: Andrea Farias/Arquivo CORREIO)

2022 será um péssimo ano para feriados; veja datas

Maioria dos dias cai em um fim de semana ou quarta-feira

2022 está logo ali e traz com ele a esperança de um ano melhor após os caóticos 2020 e 21. Mas de algo temos certeza: os feriados nele cairão em datas ingratas.

Isso porque o ano que vem traz a soma de muitas datas caindo em fins de semana e quartas-feiras, o que dificulta a tradicional "emenda".

No caso dos nove feriados nacionais, por exemplo, só um será 'prolongado': Paixão de Cristo que, como sempre, cai numa sexta-feira. 

Um deles cai num sábado (Confraternização Universal) e dois, em domingos (Dia Mundial do Trabalho e Natal).

Para tristeza geral, serão três feriados em quartas-feiras, dificultando até aquela emenda mais longa, que 'enforca' um dia útil.

Já no caso de Salvador, a Independência da Bahia (2 de julho) cairá num sábado. As boas notícias ficam por conta do São João (24 de junho), que será na sexta, Nossa Senhora da Conceição da Praia (8 de dezembro), numa quinta-feira e Corpus Christi (3 de junho), uma sexta.

Veja a lista de feriados em Salvador para 2022:
1º de janeiro (sábado): Confraternização Universal
15, 16 e 17 de abril (sexta a domingo): Paixão de Cristo é dia 15
21 de abril (quinta-feira): Tiradentes
1º de maio (domingo): Dia Mundial do Trabalho
3 de junho (sexta-feira): Corpus Christi
24 de Junho (sexta): São João
2 de julho (sábado): Independência da Bahia
7 de setembro (quarta-feira): Independência do Brasil
12 de outubro (quarta-feira): Nossa Senhora Aparecida
2 de novembro (quarta-feira): Finados
15 de novembro (terça-feira): Proclamação da República
8 de dezembro (quinta-feira): Nossa Senhora da Conceição da Praia
25 de dezembro (domingo): Natal

***

Em tempos de desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informações nas quais você pode confiar. E para isso precisamos de uma equipe de colaboradores e jornalistas apurando os fatos e se dedicando a entregar conteúdo de qualidade e feito na Bahia. Já pensou que você além de se manter informado com conteúdo confiável, ainda pode apoiar o que é produzido pelo jornalismo profissional baiano? E melhor, custa muito pouco. Assine o jornal.


Relacionadas