A força dos símbolos enriquece a história

entrelinhas
17.05.2020, 09:35:00
Atualizado: 18.05.2020, 19:55:25

A força dos símbolos enriquece a história


Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

Zumbi, Luiza Mahim, princesa Aqualtune. Os três são personagens históricos e são símbolos. Suas figuras quase míticas simbolizam a resistência à escravidão e aos desmandos do Brasil colonial. Ao dar reconhecimento a esses e outros heróis negros, se fortalece a luta por direitos iguais dos negros e negras do Brasil e de seus descendentes, que ainda hoje, mais de 130 anos depois da abolição oficial, lutam por reparação. 

Não é pouca gente. Ao menos, segundo a última pesquisa do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), entre 2012 a 2018, o número de autodeclarados pretos aumentou em quase 5 milhões no país.

Para o presidente da Fundação Palmares, Sérgio Camargo, no entanto, a figura de Zumbi deveria ser relegada novamente ao ostracismo do qual foi retirada após décadas de luta dos movimentos negros, justamente por ser um símbolo. Essa semana, Camargo, que teve um processo de escolha para assumir a Palmares pontuado por polêmicas, publicou artigos no site oficial da entidade que desqualificavam a figura de Zumbi.

Só alguém desinformado, ou muito alienado da própria identidade, ou deliberadamente praticante de desonestidade intelectual, desconhece a força dos símbolos na construção das nações. 

Zumbi dos Palmares, liderança negra contra a escravidão (Foto: Reprodução)

Durante séculos, o Brasil cultuou heróis nacionais brancos e, no caso específico da abolição, a figura benevolente de uma princesa europeia que assinou um documento que tem singelas duas linhas de texto. Estava mais do que na hora do país celebrar heróis que são bem mais parecidos com seu povo. 

Até chegar na Lei Áurea e na princesa Isabel tão cultuada por Sérgio Camargo, foram quase quatro séculos de lutas, revoltas, revoluções e muitas outras estratégias e articulações de mulheres e homens negros para recuperarem a liberdade que lhes foi tirada. Quase 12 milhões de africanos foram sequestrados e trazidos à força  para o Brasil nos vergonhosos anos em que fortunas foram feitas com o tráfico perverso  de seres humanos.

O presidente da Fundação Palmares precisa olhar para a história do país onde nasceu e da entidade a qual dirige. Palmares, se ele não sabe, é o nome de um quilombo que simboliza um dos maiores núcleos de resistência à escravidão no país e um dos modelos de sociedade mais organizado e igualitário que o Brasil já teve.

Bahia terá prova digital em Salvador e Feira de Santana (Foto: Divulgação)

Vagas para Enem Digital esgotadas na BA

Mesmo com a polêmica sobre a data de realização do Exame Nacional de Cursos (Enem) 2020, em meio à pandemia e à dificuldade dos estudantes mais pobres de se prepararem com as aulas suspensas, as inscrições para a modalidade digital do Enem deste ano se esgotaram em menos de 24 horas na Bahia. 

Foram oferecidas três mil vagas para o Enem Digital no estado e todas foram preenchidas entre o primeiro e o segundo dia das inscrições.

Esse será o primeiro ano da versão online da avaliação e na Bahia apenas duas cidades terão esse tipo de prova: Salvador, com 2,5 mil vagas, e Feira de Santana, com 500 inscritos. 

Em todo o Brasil, são 100 mil vagas para a prova digital, sendo que o estado de São Paulo ficou com a maior parte delas, 15 mil. A prova física está com as inscrições abertas até 22 de maio.

Na terça-feira, 12, o Sindicato dos Trabalhadores em Educação do Estado da Bahia (APLB) ingressou com uma ação civil na Justiça pedindo a suspensão do exame, marcado para novembro.

Anitta e Katy Parry trocaram declarações de admiração (Foto: Reprodução)

Anitta e Katy Perry juntas em live

Anitta recebeu a cantora Katy Perry para uma live na quinta-feira, 14. A artista pop norte-americana está grávido ator Orlando Bloom, o Will da franquia ‘Piratas do Caribe’. Empolgada por Katy Perry ter aceito seu chamado para a live, Anitta disse que amava o trabalho da artista e a convidou para gravarem uma música juntas. Katy respondeu, animada: "Eu topo! Amo vocês do Brasil!".

Mesmo com sinalização indicando interdição, os malhadores saem para caminhar na orla (Foto: Tiago Caldas/CORREIO)

Restrição não impede malhadores

Interditado pela prefeitura de Salvador desde a quarta-feira, 13, o trecho que vai da Arena Aquática, na Pituba, até o novo Centro de Convenções, na Boca do Rio, continua atraindo malhadores indiferentes à covid-19. Em 30 minutos, o CORREIO flagrou ao menos 10, na quinta-feira, 14, só um dia depois das novas regras mais rígidas para um dos bairros com maior incidência de casos do novo coronavírus passarem a valer. A teimosia desse pessoal pode custar vidas!

Ataque atingiu mães, bebês e funcionários de maternidade em Cabul (Foto: Reprodução/TV)

Ataque a maternidade em Cabul

Um grupo armado invadiu a maternidade do Dasht-e-Barchi, em Cabul, no Afeganistão, na terça-feira, 12, e abriu fogo contra funcionários e pacientes. Segundo a organização Médicos Sem Fronteiras, 24 pessoas morreram e pelo menos outras 20 ficaram feridas. Ainda segundo a MSF, 26 mães estavam hospitalizadas no momento do ataque, 10 delas conseguiram se esconder e 11 morreram, sendo três na sala de parto, com osbebês recém-nascidos. Uma mulher também entrou em trabalho de parto durante o ataque.

Saliva contaminada em Londres

Uma funcionária do sistema de trens urbanos de Londres morreu de covid-19, na quinta-feira, 14, após ser contaminada pela saliva de um desconhecido que cuspiu nela e em outra colega, ainda  internada por conta da doença. O jornal britânico The Guardian noticiou que uma série de casos foi registrado no Reino Unido nas últimas semanas, em que funcionários que atendem o público e policiais foram agredidos com cusparadas por pessoas que afirmaram estar contaminadas pelo novo coronavírus.

Cinco fatos que marcaram a história em maio

1 - Nascimento do Reino Unido - Dia 01, do ano de 1707, o Parlamento escocês aprova o Ato de União que transformou a Escócia e a Inglaterra no Reino Unido. Atualmente, os escoceses querem se separar dos britânicos, mas apesar das tentativas do Parlamento, parte do povo não quer.

2 - Queima de livros - No dia 10, do ano de 1933, os nazistas iniciam a queima de livros em Munique  e outras cidades alemãs. Os atos aconteciam em praça pública e o  objetivo do partido de Adolf Hitler era ‘expurgar’ ideias consideradas de esquerda ou ‘subversivas’.

3 - Nascimento de Bulgakov - No dia 15, do ano de 1891, nasce o escritor russo Mikhail Bulgakov, autor do clássico ‘O mestre e Margarida’, uma sátira que conta a história de uma visita de Satanás a Moscou. O livro é considerado um dos maiores do séc. XX.

4 - Conquista de LGBT+ No dia 17, do ano de 1990,  a Organização Mundial de Saúde (OMS) faz a retirada da homossexualidade da sua lista de doenças mentais. O ato da entidade intercional é visto como uma grande conquista das pessoas LGBT+ na luta por direitos civis.

5 - O pai de todos os vampiros - No dia 26, do ano de 1897, é publicado o livro ‘Drácula’, do escritor irlandês Bram Stoker. Ele se inspirou no conde Vlad Tepes para criar a figura sinistra do conde Drácula, que na obra original é mais assustador e menos sedutor que no cinema.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas