'Achei que a torcida podia me vaiar', admite Gilberto

e.c. bahia
17.11.2019, 18:46:00
Atualizado: 18.11.2019, 10:43:47
Gilberto perde chance de gol diante de Weverton (Felipe Oliveira/EC Bahia)

'Achei que a torcida podia me vaiar', admite Gilberto

Após declaração polêmica, centroavante do Bahia foi aplaudido na Fonte Nova

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

Titular no empate em 1x1 com o Palmeiras neste domingo (17), na Fonte Nova, o atacante Gilberto revelou que estava aliviado com o comportamento da torcida. O Bahia foi vaiado após o apito final, mas o centroavante ganhou aplausos ao ser substituído por Fernandão durante o segundo tempo. 

“Quero agradecer ao torcedor, porque eu vim hoje para o jogo ansioso, por causa de uma declaração. Achei que a torcida podia me vaiar e agradeço a eles pelo que fizeram comigo hoje”, admitiu o jogador. 

No dia 10, após a derrota do Bahia para o Flamengo, por 3x1, pela 32ª rodada do Brasileirão, o centroavante deu uma entrevista que repercutiu mal em meio à torcida tricolor. Ainda no Maracanã, Gilberto reafirmou que sonha desde criança em jogar no rubro-negro. Torcedor declarado do clube carioca, o camisa 9 nunca escondeu o desejo, mas provocou polêmica por repetir as declarações logo após a derrota. 

Artilheiro do Bahia na temporada, com 26 gols, Gilberto buscou se retratar com a torcida do Bahia horas depois ao publicar um vídeo em sua conta pessoal no Instagram pedindo desculpas pelo episódio.

O Esquadrão volta a campo no próximo domingo (24), quando visita o Goiás, às 16h, no estádio Serra Dourada, em Goiânia. 

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas