Agências do INSS têm movimento fraco após fim de greve

salvador
23.05.2022, 12:44:00
Agência do Bonfim durante a manhã (Foto: Gil Santos/ CORREIO)

Agências do INSS têm movimento fraco após fim de greve

Foram 52 dias de paralisação e os atendimentos estão ocorrendo por agendamento

O primeiro dia de retomada das perícias no Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) está tendo movimento tranquilo em Salvador. Nesta segunda-feira (23), as agências da Avenida Sete de Setembro, do Comércio e do Bonfim não apresentaram filas durante a manhã. Em Brotas, houve movimentação mais intensa, mas sem grandes aglomerações. O atendimento é exclusivo para quem já estava agendado para está segunda-feira.

Movimento em Brotas foi mais intenso, mas sem grandes aglomerações (Foto: Arisson Marinho/ CORREIO)

Os médicos peritos retomaram as atividades após 52 dias de greve, em todo o país. Na Bahia, cerca de 22 mil perícias terão que ser reagendadas. O pedreiro José da Silva, 62 anos, é um dos beneficiários que não conseguiu fazer o procedimento por conta da greve. Ele esteve na agência, nesta segunda, mas terá que voltar.

“Me informaram que tenho que entrar em contato pelo 135 ou pelo site para fazer o agendamento, porque hoje é só para quem já estava agendado para o dia 23 de maio. Espero que seja rápido. Vi que a greve tinha acabado, mas não sabia que só seria atendido quem já estava marcado. Vou voltar para casa e tentar marcar”, contou.

Já a cozinheira Maria Helena Sousa, 66 anos, conseguiu fazer o procedimento. “Ainda bem que a greve acabou bem na época da minha perícia. Estava com medo de não conseguir fazer, mas foi tranquilo, porque a agência está vazia”, contou.

A perícia médica é exigida para todos aqueles que querem dar entrada no auxílio-acidente, auxílio por incapacidade temporária (antigo auxílio-doença), e aposentadoria por incapacidade permanente (antiga aposentadoria por invalidez). É necessária ainda para a concessão do Benefício de Prestação Continuada (BPC), aposentadoria da pessoa com deficiência e aposentadoria especial.

***

Em tempos de desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informações nas quais você pode confiar. E para isso precisamos de uma equipe de colaboradores e jornalistas apurando os fatos e se dedicando a entregar conteúdo de qualidade e feito na Bahia. Já pensou que você além de se manter informado com conteúdo confiável, ainda pode apoiar o que é produzido pelo jornalismo profissional baiano? E melhor, custa muito pouco. Assine o jornal.


Relacionadas