Aplicativo da zona azul volta a funcionar após um dia fora do ar

salvador
25.04.2019, 23:13:27
Atualizado: 25.04.2019, 23:22:44
(Foto: Bruno Concha/Secom PMS)

Aplicativo da zona azul volta a funcionar após um dia fora do ar

App estava fora do ar desde a quarta-feira, mas já está normalizado

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

O aplicativo Zona Azul Digital, que estava fora do ar desde quarta-feira (24), voltou a funcionar na noite desta quinta (25), com o serviço restabelecido. Uma falha na comunicação entre a Transalvador e os apps que prestam o serviço motivou a suspensão da operação.

Na noite de hoje, técnicos da Transalvador conseguiram resolver o problema e o serviço voltou a funcionar normalmente. Enquanto o sistema esteve fora do ar, a população teve como opção usar cartelas físicas, que são vendidas pelos guardadores credenciados para trabalhar na Zona Azul.

A capital baiana possui, atualmente, mais de 12.755 vagas de zona azul espalhadas por 287 pontos da cidade. Ao todo, são oito bolsões: Dique, Boulevard 161, Ondina, dois em Jardim de Alá, Pituaçu, Patamares e Piatã. Os locais com maior utilização das vagas de Zona Azul são Comércio, Centro e Pituba/Itaigara.

São 30 agentes de trânsito que atuam diretamente ligados à fiscalização das vagas, além de diversos guardadores espalhados por toda a cidade.

O aplicativo
Na plataforma digital, o motorista pode renovar por uma vez a cartela eletrônicade curta duração (2 horas). Ou seja, o tempo máximo de permanência nas vagas de curta duração é de 4 horas. Segundo o superintendente de Trânsito de Salvador, Fabrizzio Muller, “as áreas de curta duração precisam de rotatividade e, por isso, o tempo máximo de permanência era de duas horas”. 

As vagas de zona azul permitem ao usuário a permanência em curta duração (2 horas), média duração (6 horas) e na modalidade de longa duração, quando é possível ocupar a vaga por 12 horas. Algumas regiões da cidade permitem apenas um dos tipos, mas há lugares em que a permanência é definida de acordo com a cartela adquirida pelo motorista.

A tolerância para o cancelamento da cartela da zona azul digital é de 15 minutos após a aquisição. Nestes casos, o motorista não paga pelo estacionamento.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas