Após saída de Diego Dabove, Bahia acerta o retorno de Guto Ferreira

e.c. bahia
06.10.2021, 17:17:00
Atualizado: 06.10.2021, 19:28:40
Guto Ferreira vai completar a terceira passagem no comando do Bahia; meta agora é livrar o time da Série B (Foto: Felipe Oliveira/EC Bahia)

Após saída de Diego Dabove, Bahia acerta o retorno de Guto Ferreira

Velho conhecidos dos tricolores, Guto vai assumir o time na reta final da Série A

No mesmo dia em que definiu o desligamento de Diego Dabove do comando da equipe, o Bahia acertou com o seu novo treinador. Guto Ferreira vai voltar a comandar o tricolor depois de três anos. De acordo com apuração do CORREIO, o anúncio da contratação de Guto deve ser feito nas próximas horas. 

Guto Ferreira estava sem clube desde que deixou o Ceará, em agosto. O treinador possui duas passagens pelo Bahia. A primeira entre 2016 e 2017, quando conquistou o acesso à Série A e a Copa do Nordeste, e a segunda em 2018, quando foi campeão baiano. 

Ele vai assumir o Bahia em um momento crítico na temporada. Sem vencer há quatro jogos, o Esquadrão está na zona de rebaixamento do Brasileirão. O time baiano soma 23 pontos e ocupa a 17ª colocação. 

O próximo compromisso do time na Série A será no sábado (9), quando enfrenta o Athletico-PR, na Arena da Baixada, em Curitiba, às 19h, pela 25ª rodada. A delegação ficou em São Paulo após a derrota para o Corinthians por 3x1 e o novo comandante se juntará ao elenco já na capital paranaense.

Diego Dabove demitido
A demissão de Diego Dabove também ocorreu nesta quarta-feira (6). O treinador argentino, contratado após a demissão de Dado Cavalcanti, durou somente seis jogos no cargo. Com ele, o time ganhou uma partida (4x2 no Fortaleza), empatou duas (Santos 0x0 e Bragantino 1x1) e perdeu três (Fluminense 2x0, Internacional 2x0 e Corinthians 3x1).

“Precisamos realizar uma correção de rumos. Não era algo que a gente gostaria de fazer, lamentamos bastante a situação, mas se a gente decidiu mudar tão rápido é uma prova de que a escolha terminou se mostrando equivocada – não no sentido da qualidade do trabalho, mas do ponto de vista de conhecimento do futebol brasileiro e do contexto do clube. Fazendo um balanço do dia a dia, dos resultados e dos desafios que temos pela frente, entendemos que essa é a medida correta no momento”, justificou o presidente Guilherme Bellintani.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas