Apresentadora diz que não faz sexo se marido tiver bebido água antes

em alta
09.10.2020, 16:57:07
Atualizado: 09.10.2020, 16:59:51
(Foto: Divulgação)

Apresentadora diz que não faz sexo se marido tiver bebido água antes

Claudia Winkleman tem fobia de líquidos: 'Quero um homem seco e enrugado'

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

Famosa no Reino Unido, a apresentadora Claudia Winkleman surpreendeu seus fãs ao revelar uma fobia peculiar dela, que atrapalha até a vida de Claudia com o marido, Kris Thykier: a de beber água.

Durante participação no podcast 'Off Menu', Claudia disse que o medo se torna "problemático" para ela sempre que Thykier — com quem está casada desde 2000 — bebe "grandes quantidades" de água. E isso atrapalha até mesmo a intimidade do casal.

"Imagine que você está em um encontro — e eu estou com o mesmo homem há 100 anos. Ele está sentado e diz algo como: 'Eu não sei o que pedir. O que você vai pedir? Talvez devêssemos pedir a mesma coisa'. E alguém chega e diz: 'Vocês gostariam de uma água?'. E ele diz: 'Sim, claro'. Eles dão um copo d'água e ele bebe tudo", exemplificou.

"Você vai querer beijar este homem depois disso? Não", acrescentou a apresentadora, que quer distância de "uma boca molhada com uma grande língua carnuda coberta de líquido".

"Eu quero um homem seco e enrugado. Quero dormir com o Senhor Burns (personagem de Os Simpsons). Ele não bebe água. Eu quero ele à minha mesa."

Claudia Winckleman deixou claro que o problema dela não é apenas com água, e que tampouco gosta de "vinho, essas coisas". Mesmo assim, a apresentadora afirma que o fato de o marido beber água em casa pode até cortar o clima entre eles na hora do sexo, por exemplo.

"Meu marido bebe muita água, e eu gosto muito dele, mas isso é um problema", afirmou. "Ele está engolindo, (então) não toque em mim. 'Claud, tire seu sutiã.' 'Acho que não'", acrescentou, reproduzindo um diálogo entre eles.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas