Artilheiro do Bahia, Gilberto revela incômodo com seca de gols: 'Quero me bater'

e.c. bahia
17.09.2021, 05:00:00
Gilberto tem 19 gols pelo Bahia na temporada 2021, maior goleador isolado da equipe (Foto: Felipe Oliveira/EC Bahia)

Artilheiro do Bahia, Gilberto revela incômodo com seca de gols: 'Quero me bater'

Volta à Fonte Nova é estímulo para o atacante reencontrar o caminho das redes

Falar sobre Gilberto e gols no Bahia é como chover no molhado. Desde que chegou ao tricolor, em 2018, o atacante tem sido uma máquina de balançar as redes adversárias. Só na atual temporada, foram 19 tentos em 39 partidas disputadas. Artilheiro isolado do time. 

Mas ultimamente a maré não tem andado muito boa para o centroavante. Nas últimas 12 partidas, Gilberto marcou apenas uma vez com a camisa azul, vermelha e branca. Foi na derrota para o Atlético-GO, por 2x1, pela 16ª rodada do Campeonato Brasileiro. 

Para piorar, ele vem perdendo algumas oportunidades que não costuma desperdiçar em condições normais. Contra o Santos, por exemplo, Gilberto teve uma boa chance para abrir o placar, mas não conseguiu mandar fazer o gol que poderia ter dado ao Bahia o triunfo fora de casa. A fase de seca tem incomodado o jogador.  

“Para ser sincero, fico bravo pra caramba, quero xingar, me bater. Mas eu tenho que ter paciência, saber lidar, ter o emocional forte, ajustar com o meu físico e seguir trabalhando. A gente trabalha sempre para minimizar os erros. Claro que perder gols é chato, ruim pra caramba, mas a gente sabe que vai ter uma próxima chance e nessa próxima chance tem que tentar fazer melhor e fazer o gol”, explicou o jogador.  

Na última rodada, Gilberto ganhou um novo parceiro de ataque, pois o técnico Diego Dabove surpreendeu e escalou o camisa 9 ao lado de Hugo Rodallega. Apesar do ataque ter passado em branco no empate por 0x0 com o Santos, Giba aprovou o esquema e acredita que a formação vai render frutos ao Esquadrão. 

“Nosso grupo tem excelentes jogadores, atletas de muita qualidade e a chegada do Hugo traz um poder ainda maior. Fico feliz por ter pessoas assim, a gente precisa decidir os jogos, estar sempre marcando, e ter jogadores com esse nível ajuda o grupo a crescer”. 

Em casa
A próxima chance para Gilberto voltar a marcar os gols vai ser amanhã, às 21h, diante do Red Bull Bragantino. No primeiro turno, Giba teve grande desempenho diante do time paulista e anotou dois gols no empate por 3x3, em Bragança Paulista.

Além disso, o atacante ganhou um outro estímulo, já que a partida vai marcar o retorno do Bahia à Fonte Nova depois de sete meses. Foi jogando na arena que o centroavante anotou 25 dos 76 gols que tem com a camisa tricolor. 

Atualmente, Gilberto é o segundo maior artilheiro da nova Fonte Nova. Ele fica atrás apenas de Edigar Junio, que aparece no topo do ranking, com 27 tentos.  

“A Fonte Nova é a nossa casa. Desde que cheguei ao Bahia vejo ela como casa. Venho buscando fazer bons jogos sempre, trabalhando incessantemente para conseguir os triunfos e estar sempre bem com o grupo. Nada mais justo do que a gente retornar à arena e buscar o triunfo contra uma equipe tão perigosa quanto é o Red Bull Bragantino”, finalizou Gilberto.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas