Ator e diretor Harildo Déda recebe sala com seu nome na FGM

variedades
09.12.2019, 20:45:15
Atualizado: 09.12.2019, 20:57:43
(Secom/Divulgação)

Ator e diretor Harildo Déda recebe sala com seu nome na FGM

Ao completar 80 anos, ele recebeu homenagem

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

Ator, diretor e professor aposentado da Escola de Teatro da Universidade Federal da Bahia (Ufba), Harildo Déda foi homenageado pela Fundação Gregório de Mattos (FGM) nesta segunda-feira (9). Uma das salas do novo prédio da FGM, o Espaço Cultural Boca de Brasa, na Barroquinha, ganhou o nome do diretor teatral. 

Depois da surpresa o ator fez questão de entrar em cena e deu uma oficina de teatro para 25 participantes, incluindo atores profissionais e estudantes de teatro.

Uma mostra fotográfica no local exibe várias fotos de Déda atuando. Nas laterais, duas placas trazem texto do dramaturgo e diretor Paulo Henrique Alcântara, também da Ufba, que falam sobre o ator. “É bem mais que uma surpresa. É uma verdadeira micareta do meu aniversário. Eu mereço porque é do passado que fazemos o presente e a partir dele tentarmos prevê o futuro”, brincou Déda, que celebrou os 80 anos.

O presidente da FGM, Fernando Guerreiro, disse que se trata de uma homenagem justa a um vetereno do teatro baiano.  “Queremos preservar a memória do teatro baiano. O teatro tem passado, tem história e prova disso é o trabalho de Déda que completou 80 anos e segue atuando e passando adiante todo conhecimento da sua arte. Ele é acima de tudo um professor que já formou inúmeros atores da nossa cidade”, diz.

Trajetória
Déda se interessa pela atuação desde a infância, em Simões Filho. O filme "A noiva de Frankestein" despertou seu interesse pelo tema. Na TV, foi ator em séries como  "O Pagador de Promessas", "Dona Flor e seus Dois Maridos", "Carga Pesada", e no cinema participou de filmes consagrados como "Tieta do Agreste", "Central do Brasil" e "Cidade Baixa". Foi mestre de artistas que hoje são reconhecidos e famosos como Vladimir Brichta, Marcelo Flores e Alethea Novaes. 

Uma das produções de destaque em 2019 é o espetáculo "Em Família" que conta com a direção de Marcelo Flores e texto de Oduvaldo Vianna Filho e comemora os 80 anos de vida do ator Harildo Deda e os 20 anos de trabalho da companhia de teatro Os Argonautas. Em Família", 9ª montagem da companhia Os Argonautas, é protagonizada por Harildo Deda ao lado de Neyde Moura e mostra uma família típica brasileira que tem os pais, o casal de idosos Seu Sousa e Dona Lu, despejados da casa onde moram por não terem condições financeiras para mantê-la.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas