Atriz Ruth de Souza morre no Rio aos 98 anos

variedades
28.07.2019, 14:29:00

Atriz Ruth de Souza morre no Rio aos 98 anos

Ela foi a primeira atriz negra a se apresentar no Theatro Municipal e teve mais de 20 papéis em novelas da Globo

A atriz Ruth de Souza morreu neste domingo (28), aos 98 anos. Com diagnóstico de pneumonia, ela estava internada no Centro de Tratamento Intensivo do Hospital Copa D'Or, no Rio de Janeiro. O último trabalho dela na TV Globo foi na minissérie "Se eu fechar os olhos agora", também em 2019.

Ruth de Souza nasceu em 12 de maio de 1921, no bairro do Engenho de Dentro, na Zona Norte do Rio de Janeiro. Primeira atriz negra a se apresentar no Theatro Municipal, ela estreou nos palcos do local no dia 8 de maio de 1945, na montagem  "O Imperador Jones", de Eugene O’Neil, do Teatro Experimental do Negro, grupo fundado por Abdias Nascimento e Agnaldo Camargo. 

A atriz passou pela TV Tupi, pela Record, TV Elxcelsior e, em 1968, foi contratada pela Globo para atuar na novela "Passo dos Ventos", onde interpretou a mãe de santo Tuiá, uma mulher sábia cujos antepassados eram escravos, no Haiti. Logo depois, deu vida à Tia Cloé, uma escrava que liderou a luta pela liberdade nos Estados Unidos da Guerra de Secessão. Foram mais de 20 papeis na emissora, em quatro décadas de trabalho.

Filha de um lavrador e de uma lavadeira, desde criança Ruth sonhava em ser atriz. “Eu era apaixonada por cinema. Queria ser atriz, mas naquela época não tinha atores negros, e muita gente ria de mim: ‘Imagina, ela quer ser artista! Não tem artista preto’. Eu ficava meio chateada, mas sabia que ia fazer; como, não sabia", declarou a atriz no site Memória Globo.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas