Aumenta número de pessoas aguardando por um leito de UTI em Salvador

coronavírus
16.03.2021, 12:22:00
Atualizado: 16.03.2021, 12:30:32
(Foto: Paula Fróes/ CORREIO )

Aumenta número de pessoas aguardando por um leito de UTI em Salvador

Quantidade de pacientes nessa situação passou de 80 para 87, mesmo após 107 regulações

O número de pessoas aguardando por uma vaga em um leito de UTI voltou a subir em Salvador. Nesta terça-feira (16), as Unidades de Pronto Atendimento (UPAs) amanheceram com 87 pacientes na fila da regulação. Ontem, eram 80 pessoas nessa situação. A taxa de ocupação dessas acomodações está em 87%.

O prefeito Bruno Reis atualizou os números durante a entrega de novos respiradores, nesta terça. Hoje, todos os pacientes que estão esperando por uma vaga de UTI são adultos. Além deles, existem outras 25 pessoas na fila por um leito clínico, duas crianças e 23 adultos.

“Anteontem, nós regulamos 103 pacientes e, ontem, 107 pessoas, ou seja, regulamos a mais. Tínhamos 137 [pacientes na fila da regulação], hoje, temos 112, são 25 pacientes a menos. O problema é que, ontem, a gente tinha 77 adultos e três crianças aguardando um leito de UTI e, hoje, nós temos 87 pessoas. Esse aumento é o nosso pior indicativo, e é também o principal parâmetro que serve de base para tomarmos decisões. Será mais um dia de muita luta e muito trabalho para viabilizar esses leitos”, disse.

Ele contou que a taxa de transmissão da covid-19 diminuiu em Salvador, o Fator RT passou de 1,27 para 1,15. O número de casos ativos da doença também caiu de 2.912, no dia 26 de fevereiro, para 1.565, nesta segunda-feira (15). O prefeito atribui as reduções às medidas de isolamento adotadas nas últimas semanas.

Os dados foram atualizados durante um evento virtual para anunciar o destino dos 40 novos respiradores enviados pelo Ministério da Saúde. A divisão ficou assim: serão 20 para o Hospital de Campanha de Itapuã (que já tinha dez leitos de UTI em funcionamento), cinco para o Hospital Salvador (que receberá mais cinco do Município e terá 40 no total), e os outros 15 serão usados nas ambulâncias do Samu e nas UPAs.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas