Bahia mira liderança da Copa Sul-Americana em visita ao Guabirá

e.c. bahia
13.05.2021, 05:05:00
Bahia pode terminar rodada como líder do Grupo B da Sul-Americana (Foto: Felipe Oliveira/EC Bahia)

Bahia mira liderança da Copa Sul-Americana em visita ao Guabirá

Tricolor joga nesta quinta-feira (13), às 19h15, na Bolívia

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

Após faturar o tetra da Copa do Nordeste, o Bahia volta a pensar na Sul-Americana. E pode terminar a 4ª rodada como líder do Grupo B. Para isso, precisa vencer o lanterna Guabirá, que ainda não somou pontos na competição. O duelo é nesta quinta-feira (13), às 19h15, no estádio Gilberto Parada, na cidade de Montero, na Bolívia.

A oportunidade de virar líder vem após o empate do Independiente com o City Torque, na terça-feira (11), por 1x1, no Uruguai. Com o resultado, o time argentino lidera com oito pontos.  

O Bahia vem logo atrás, com cinco, mas tem melhor saldo de gols. Assim, um triunfo coloca o Esquadrão no topo. Um resultado que seria importante, já que o Independiente é o rival da rodada seguinte, na próxima terça-feira (18), na Argentina. 

"A gente tem que entender o momento que o clube vive, de alegria, euforia. Mas sabemos que temos um jogo muito importante, que vale a liderança do grupo. É o objetivo que a gente vem buscando desde o primeiro dia em que entramos na competição. Temos que saber virar a chave para sair líderes", diz o zagueiro Juninho.

No primeiro encontro, o Bahia atropelou o Guabirá em Pituaçu, com goleada por 5x0. O oponente, aliás, é o “saco de pancadas” do Grupo B: perdeu para o City Torque por 4x0 e para o Independiente por 3x1. Com os resultados, os bolivianos aparecem como time com o pior saldo de gols na atual edição da Copa Sul-Americana: -11. 

Mais uma derrota significa ao Guabirá o fim das chances matemáticas de classificação às oitavas de final - ainda que a realidade de uma vaga seja muito improvável. Contra o Bahia, a equipe do técnico Víctor Hugo Andrada tem o atacante Kevin Mina como dúvida, devido a um desgaste muscular.

Assim, a provável escalação tem: Said Mustafa, Jefferson Ibáñez, Carlos Chore e Nelson Amarilla; Heber Leaños, Fran Supayabe, Enrique Hurtado e Alan Mercado; Gustavo Peredo, Federico Domínguez e Juan Vogliotti.

Pelo lado tricolor, o técnico Dado Cavalcanti terá o atacante Rossi à disposição pela primeira vez na Sul-Americana. O jogador já cumpriu todo o período de suspensão após ser punido pela expulsão contra o Defensa y Justicia, no ano passado, e está apto a entrar em campo.

Suspensos na Copa do Nordeste, Nino e Patrick também voltam a ficar disponíveis, assim como o atacante Maycon Douglas, que não pôde atuar na competição regional.

Na última quarta-feira (12), o elenco encerrou a preparação com um treinamento no estádio Ramon Aguilera, em Santa Cruz de la Sierra. 

O Bahia deve ter: Matheus Teixeira, Nino Paraíba (Renan Guedes), Conti, Juninho e Matheus Bahia; Patrick, Thaciano e Daniel; Rossi, Gilberto e Rodriguinho.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas