Black, a nova versão da Ranger

autos & etc
27.03.2021, 11:00:00

Black, a nova versão da Ranger

Conheça a nova versão da picape da Ford, saiba o que mudou na linha 2022 do Hyundai HB20 e como ficou a versão F1 Edition do Aston Martin Vantage

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

A Ford fez seu primeiro lançamento do ano, a Ranger na versão Black. Mostrada como modelo conceitual no Salão do Automóvel de São Paulo, no final de 2018, a nova configuração é montada na picape com cabine dupla, tração 4x2, transmissão automática e motor 2.2 diesel (160 cv). A ideia da Ford é fazer um paralelo com a Storm, que chegou à linha Ranger ano passado e tinha o foco aventureiro.

Com a chegada da linha 2022, a Ford lançou uma nova configuração para a picape Ranger, a Black
Com a chegada da linha 2022, a Ford lançou uma nova configuração para a picape Ranger, a Black
O santoantônio e os estribos são de série no utilitário que tem cinco anos de garantia
O santoantônio e os estribos são de série no utilitário que tem cinco anos de garantia
Todas as opções com cabine dupla possuem sete airbags, e a Black tem acabamento em couro
Todas as opções com cabine dupla possuem sete airbags, e a Black tem acabamento em couro
A transmissão é automática e tem seis velocidades
A transmissão é automática e tem seis velocidades
A Ranger tem 80 centímetros de capacidade de imersão
A Ranger tem 80 centímetros de capacidade de imersão
É possível equipar a picape com uma rede para acomodar objetos e uma capota marítima com acionamento elétrico
É possível equipar a picape com uma rede para acomodar objetos e uma capota marítima com acionamento elétrico (Fotos: Ford)

Na Black, a empresa busca o consumidor que irá utilizar a picape em trajetos urbanos e trechos de estradas pavimentadas. Além do visual escurecido, ela conta com o mesmo santoantônio da versão Limited, estribos laterais e acabamento em couro nos bancos. Como acessório, a Ford desenvolveu uma capota rígida com acionamento elétrico. Bem equipada e com um motor econômico, a Ranger Black custa R$ 179.900, um preço competitivo para a categoria.

Todas as versões da linha 2022 da picape vão contar com comandos remotos via aplicativo, o FordPass. Por ele, o motorista poderá consultar à distância a autonomia de combustível, o hodômetro, marcar revisões, travar e destravar portas e dar a partida no motor - o que facilita a climatização da cabine em dias de muito calor, por exemplo. É possível até conferir a pressão dos pneus e localizar a picape.

HB20 CHEGA À  LINHA 2022
A Hyundai começou a comercialização da linha 2020 da família HB20, que inclui o hatch, o sedã e a variante aventureira. A principal novidade é a presença de quatro airbags e controles de estabilidade e tração de série em todas as versões. Além disso, câmera de ré passa a ser item de série a partir da configuração Evolution 1.0.

Já as opções Evolution 1.0 Turbo e acima saem de fábrica com os sistemas de alerta e frenagem autônoma e de alerta de mudança de faixa. A opção mais barata é a Sense, como o carro da foto, que custa R$ 56.890.

Na linha 2022 todo Hyundai HB20 tem quatro airbags e controles de estabilidade e tração (Foto: HMB)

EQUINOX EM VERSÃO ÚNICA
A Chevrolet anunciou que a partir da próxima semana começará a oferecer o Equinox 2021 no mercado brasileiro. A novidade é que, a partir de agora, o modelo passa a ser ofertado exclusivamente com o motor 1.5 turbo, que rende 172 cv de potência e 27,8 kgfm de torque.

Será oferecido apenas na versão Premier, que oferece seis airbags, tração integral e sistema de som Bose. O veículo é produzido no México, de onde também é exportado para os Estados Unidos. E até para a América do Norte o motor 2 litros turbo deixou de ser oferecido. O preço ainda não foi revelado, mas deve ficar na faixa de R$ 185 mil.

A Chevrolet só vai oferecer uma opção do Equinox no Brasil, a Premier com motor 1.5 turbo (Foto: GM)

EDIÇÃO FÓRMULA 1
Para marcar a sua estreia na Fórmula 1, a Aston Martin lançou uma edição especial do Vantage. Chamada de F1 Edition, essa série especial ficou 200 kg mais leve, ganhou detalhes em fibra de carbono e potência extra. O propulsor V8 biturbo de 4 litros rende 25 cv a mais, chegando agora a 534 cv de potência e 69,8 kgfm de torque. Associado a uma transmissão automática de oito marchas, esse motor é capaz de acelerar o Vantage especial de 0 a 100 km/h em 3,6 segundos e alcançar a até 313 km/h.

Nas corridas de F1, o esportivo será utilizado como Safety Car em algumas etapas do mundial, revezando com o Mercedes-AMG GT R. As vendas começam em maio na Europa, onde custará 162 mil euros, o equivalente a R$ 1.092.007.

O Vantage ganhou uma edição especial alusiva à F1 (Foto: Aston Martin)

FROTA ELETRIFICADA
O Brasil já conta com uma frota de 40 mil veículos eletrificados em circulação. A soma, que inclui híbridos e puramente elétricos, leva em consideração carros de passeio, caminhões e ônibus. O Toyota Corolla lidera entre os híbridos e o BMW i3 entre os elétricos.

O  i3 é o carro elétrico mais vendido da história no Brasil (Foto: BMW)





A picape Ranger ganhou uma nova versão, a Black (Foto: Ford)


***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas