Boris Johnson e autoridades são proibidos de entrar na Rússia

mundo
16.04.2022, 11:40:37
(AFP)

Boris Johnson e autoridades são proibidos de entrar na Rússia

País alega que o Reino Unido age para agravar crise que se desenrola no Leste Europeu

O governo de Vladimir Putin proibiu o premiê do Reino Unido, Boris Johnson, e outras autoridades britânicas de entrarem no país, anunciou a chancelaria russa neste sábado (16). A decisão vem em retaliação ao que o governo russo descreveu como uma campanha desenfreada para isolar a Rússia. 

"Autoridades britânicas estão agravando deliberadamente a situação em torno da Ucrânia, entregando armas letais ao regime de Kiev e coordenando esforços similares em nome da Otan [aliança militar ocidental]", disse o Ministério das Relações Exteriores russo em nota.

A chanceler britânica, Liz Truss, o secretário de Defesa Ben Wallace, a ex-primeira-ministra Theresa May e a primeira-ministra da Escócia, Nicola Sturgeon, estão entre os proibidos de entrar em território russo.

Boris, que desde o início da invasão russa tem criticado publicamente as ações de Putin, pedido investigações sobre crimes de guerra e atuado diplomaticamente para estabelecer sanções econômicas, chegou a fazer uma visita surpresa a Kiev na semana passada, quando se reuniu com o presidente Volodimir Zelenski para, nas palavras do governo britânico, demonstrar solidariedade ao povo ucraniano.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas