Brasil chega a 100 milhões de vacinados ao menos com a 1ª dose contra a covid

coronavírus
30.07.2021, 21:31:44
Atualizado: 30.07.2021, 21:58:48
(Divulgação/PMLF)

Brasil chega a 100 milhões de vacinados ao menos com a 1ª dose contra a covid

No entanto, a porcentagem da população com imunização completa contra o vírus é de menos de 20%

O Brasil ultrapassou nesta sexta-feira (30), a marca de 100 milhões de pessoas vacinadas ao menos com a primeira dose contra a covid, ou seja, quase metade da população. A porcentagem da população com imunização completa contra o vírus, entretanto, não passa dos 20%. Entretanto, com os desafios das novas variantes e o anúncio de São Paulo de transição para uma reabertura, especialistas apontam possíveis desafios para um futuro próximo.

É o que afirma José Luiz de Lima Filho, médico e diretor do Laboratório de Imunopatologia Keizo Asami (LIKA) da UFPE. Segundo ele, a marca dos 100 milhões não protege a população por se tratar apenas de brasileiros parcialmente imunizados. "Esta situação favorece o surgimento de variantes muito mais infectantes, podendo favorecer novas ondas de infecção, como já está ocorrendo em outros países."

Apesar disso, o Brasil já pode ver os efeitos da vacinação em curso. Para Mônica Levi, presidente da Comissão de Revisão de Calendários e Guias da SBIm, a diminuição do número de novos casos e internações é reflexo do avanço na imunização dos brasileiros, mas ainda pouco significativo. "A marca dos 100 milhões não quer dizer nada. Esse número tem que ir para um patamar de porcentual da população adequadamente vacinada que beire algo em torno de 70%." Ela se diz contente com o avanço da imunização, mas que o que interessa é "a proteção completa".

Nesta sexta-feira, 100.082.100 brasileiros já haviam recebido a primeira dose de uma vacina contra a covid, o que representa 47,26% da população total. Já o total de pessoas com a imunização completa chegou a 19,37% da população, ou 41.010.483 indivíduos.

São Paulo e o Rio Grande do Sul são os Estados mais avançados na imunização, onde 57,06% e 54,04% dos habitantes, respectivamente, receberam ao menos a primeira aplicação. Já o Mato Grosso do Sul é líder na vacinação completa da sua população, com 32,78% dos moradores tendo recebido as duas doses ou um imunizante de dose única.

A velocidade nas distribuição das vacinas é fator decisivo para o controle da pandemia. Desde o início da campanha no começo deste ano, o Brasil ainda não atingiu 20% da população completamente imunizada. José Luiz explica que o País tem a capacidade de vacinar cerca de 3 milhões de pessoas por dia e que esse potencial não vem sendo explorado. "A demora na vacinação de nossa população pode levar a um grande risco no surgimento de novas ondas de infecção. Possivelmente teremos de desenvolver novas vacinas para as novas variantes."

Nas últimas 24 horas, o País administrou quase 2 milhões de vacinas contra a covid (1,94 milhão), entre primeiras e segundas doses e aplicações únicas. Um dia acima da média das últimas semanas, mas ainda aquém da nossa capacidade.

Após mais de um ano de pandemia, a marca dos 100 milhões de pessoas parcialmente vacinadas traz otimismo, mas também cautela com os novos desafios que podem surgir. Mesmo assim, os especialistas mostram possíveis caminhos de esperança: "Antes de a gente falar em saúde coletiva, na contenção da pandemia, a gente fala na proteção de vidas", conta Mônica. José Luiz completa é enfático: "Vamos juntos superar estes momentos."

Vacinados na Bahia

A Bahia tem 6.311.582 imunizados com a primeira dose da vacina contra covid-19 até às 17h desta sexta (30), de acordo com dados da Secretaria Estadual de Saúde (Sesab) divulgados no começo da noite. O Estado já vacinou 58,8% da população baiana acima dos 18 anos (estimada em 11.148.781) - com, pelo menos, a primeira dose. Além disso, 249.289 vacinados foram imunizados com a vacina de dose única. Com isso, 6.560.871 já receberam ao menos uma dose contra covid-19 no estado. 

Dos mais de 6,3 milhões vacinados com imunizantes de duas doses, 2.521.413 receberam também a segunda aplicação, o  que somado com os imunizados com dose única faz a Bahia ter 2.770.702 pessoas totalmente imunizadas contra a covid-19.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas