Brasil tem 189 mortes por covid-19 em 24h

coronavírus
26.04.2020, 18:01:42
Atualizado: 26.04.2020, 18:05:24
São Paulo já soma 1700 mortos por covid-19 (Rovena Rosa/Agência Brasil)

Brasil tem 189 mortes por covid-19 em 24h

São Paulo mantém recorde de ter mais óbitos e casos

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

O Brasil atingiu o patamar de 4.205 mortes pela covid-19, infecção provocada pelo novo coronavírus, neste domingo, 26, segundo boletim do Ministério da Saúde publicado nesta tarde. Em 24h, foram registrados 189 novos óbitos, uma incremento de 4,7%.

Até às 14h deste domingo, o Brasil possuía um total de 61.888 casos confirmados da doença. Destes, 3.379 tiveram o resultado positivo entre sábado e domingo, o que representa um aumento de 5,8% em 24h.

De acordo com o boletim, os estados mais afetados pela doença continuam sendo: São Paulo, Rio de Janeiro, Ceará, Pernambuco e Amazonas. Juntas, as cinco unidades federativas somam 42.390 casos confirmados da doença.

Neste domingo, São Paulo atingiu 1.700 óbitos em decorrência da covid-19 e segue com o maior número de mortes.  O Rio de Janeiro possui 645 óbitos. Na sequência aparecem Pernambuco, com 415; Ceará, com 327; e Amazonas com 304.

O estado de São Paulo também lidera a lista de locais com mais infectados. Até às 14h deste domingo, eram 20.715 casos. O Rio de Janeiro é o segundo com mais registros, com 7.111. O Ceará fica em terceiro, com 5.833; seguido de Pernambuco, com 4.898; e Amazonas, com 3.833.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas