Bruno diz que retirará máscara imediatamente se tiver aval do governo

salvador
30.03.2022, 10:55:23
(Betto Jr./Secom)

Bruno diz que retirará máscara imediatamente se tiver aval do governo

Prefeito sugeriu, mais uma vez, que governador deixe que os municípios decidam

A obrigatoriedade do uso de máscaras continua em discussão em todo país, com a queda nos índices da pandemia. O prefeito Bruno Reis, que já havia se manifestado a favor da não-obrigatoriedade, sugeriu que o governador Rui Costa deixe a cargo de cada prefeito decidir.

"Entendo que cada cidade tem sua realidade, e que o governador Rui Costa governa para todo o estado. Ao longo desse tempo, nós tomamos medidas em conjunto, e estamos  seguindo isso. Se o governador quiser transferir a responsabilidade para as prefeituras, por decreto, eu imediatamente, irei desobrigar as máscaras", disse.

Nessa terça-feira (29), o governador Rui Costa (PT) se manifestou sobre os pedidos para que o uso de máscaras seja desobrigado, ao menos em lugares abertos, na Bahia. O gestor apontou que ainda há, na visão dele, muitos casos ativos de covid-19 no estado.

"Hoje temos cerca de 1.500 baianos contaminados e 110 pacientes na UTI. O coronavírus ainda está circulando. E os municípios não estão mais testando, logo, o número é ainda maior. Vamos ter calma e esperar que os números baixem mais antes de desobrigarmos o uso de máscaras", postou o gestor no Twitter.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas