Cabula reúne serviços públicos essenciais

salvador
06.03.2018, 06:30:00
O SAC Bela Vista conta com 17 unidades conveniadas e oferece agendamento através do portal ou do aplicativo SAC Mobile (Carol Garcia/GOVBA/divulgação)
Estúdio Correio -

Cabula reúne serviços públicos essenciais

Os moradores do Cabula não precisam sair do bairro para encontrar serviços públicos essenciais perto de casa. A região possui unidades do Serviço de Atendimento ao Cidadão (SAC) e da Prefeitura-Bairro que facilitam a vida da comunidade e proporcionam, juntas, mais de 48 mil atendimentos por mês. Em um único local, a população tem à disposição diversos órgãos e autarquias. 

O professor Cláudio Souza Limeira, 42 anos, procurou o SAC, localizado no Shopping Bela Vista, para emissão de uma nova carteira de identidade, após perder o documento. “É muito prático, principalmente com o agendamento. Esperei pouco tempo pelo atendimento e o processo foi bem rápido”, informou. A emissão da segunda via da identidade é um dos serviços mais procurados na unidade, junto com habilitação e renovação da carteira de motorista, entrada no seguro desemprego e emissão de segunda via de IPTU.

De acordo com a Secretaria de Administração do Estado (Saeb), o SAC Bela Vista, no Cabula tem uma média de 41 mil atendimentos por mês. Estão disponíveis 17 unidades conveniadas, a exemplo do Detran, Junta Comercial do estado, Planserv, Secretaria de Segurança Pública, Sinebahia, Procon, Sefaz/Bahia, Sefaz/Salvador, Polícia Rodoviária Federal, entre outros. 

A unidade funciona de segunda a sexta-feira, das 9h às 18h, e aos sábados das 9h às 13h. O atendimento agendado, segundo a Saeb, acontece apenas no turno vespertino, sendo disponibilizadas senhas das 13h às 17h. No período da manhã, o público é recebido por ordem de chegada. O agendamento pode ser realizado através do Portal SAC (www.sac.ba.gov.br) ou do aplicativo SAC Mobile, disponível para dispositivos Android e iOs.

41 mil 
é a quantidade média de atendimentos mensais do SAC Bela Vista, no Cabula

Conciliação
Um dos diferenciais do SAC Bela Vista é a Câmara de Conciliação de Saúde – CCS. Para buscar reduzir a quantidade de processos no judiciário baiano foi implantada uma unidade extrajudicial, que presta atendimento a usuários do Sistema Único de Saúde (SUS), no que tange a obrigatoriedade de cessão de medicamentos por parte do Estado e dos municípios para pacientes portadores de doenças crônicas. 

A CCS segue uma orientação do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), e a sua implantação resulta da parceria entre o governo estadual, Tribunal de Justiça (TJBA), Ministério Público (MP-BA), Procuradoria Geral do Estado (PGE), Defensorias Públicas do Estado e da União (DPE e DPU) e Secretaria Municipal de Saúde. 

“O serviço tem servido como um instrumento efetivo para garantir a eficiência na solução das demandas que envolvem a assistência à saúde, desafogando o Poder Judiciário estadual”, afirmou o desembargador Mário Albiani Júnior, coordenador do Comitê Executivo Estadual do Fórum Nacional de Saúde do CNJ.

Prefeitura-Bairro atende 340 pessoas por dia

Na Prefeitura-Bairro, localizada na Rua Silveira Martins, é possível resolver questões relativas a serviços municipais, como cadastramento para os programas Bolsa Família e Casa Legal, solicitações de limpeza e tapa-buracos, recarga do SalvadorCard, entre outros. A unidade, que funciona de segunda à sexta, das 8h ás 17h, também conta com um posto do Serviço Municipal de Intermediação de Mão-de-obra (Simm), facilitando a vida de quem busca um posto de trabalho. 

7 mil
É a média de atendimentos Prefeitura-Bairro 
do Cabula por mês

A diretora geral das Prefeituras-Bairro, Ana Paula Matos, destacou que as unidades, além de oferecer os principais serviços da Prefeitura, buscam interagir com as comunidades, conhecendo as suas necessidades, buscando soluções e supervisionando as ações. “A estratégia da Prefeitura-Bairro é consolidar o processo de descentralização das ações administrativas, assegurando a participação da comunidade na gestão pública”, afirma.

Ana Paula Matos (Foto: Divulgação)

A marcação de consultas, solicitação de medicamentos, cadastramento no Bolsa Família e a intermediação de mão- de-obra estão entre os serviços mais demandados, segundo Ana Paula. O local ainda disponibiliza serviços externos, de órgãos como INSS, Tribunal de Justiça (Balcão de Justiça), Junta Militar e Coelba. Em média, são realizados cerca de 340 atendimentos por dia, resultado em mais de sete mil por mês.

O Estúdio Correio produz conteúdo sob medida para marcas, em diferentes plataformas.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas