Carioca cantará músicas gregorianas na canonização de Irmã Dulce; veja vídeo

bahia
10.10.2019, 14:00:00
Atualizado: 13.10.2019, 17:22:34
(Jorge Gauthier/CORREIO)

Carioca cantará músicas gregorianas na canonização de Irmã Dulce; veja vídeo

Além dele só uma freira brasileira integra a cerimônia

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

Irmã Dulce amava ouvir música brasileira, especialmente o forró e Roberto Carlos. Mas também gostava das canções religiosas que falavam da Virgem Maria. Neste domingo (13), pela voz do cantor lírico carioca João Isaac Marques, 25 anos, essas canções estarão na cerimônia de canonização da freira baiana que acontecerá no Vaticano.

João conta que ainda não sabe o repertório da missa, mas destaca a Salve Regina (oração da Salve Rainha) deverá compor o repertório da cerimônia do Vaticano e também da missa que acontecerá na segunda-feira (14), também em Roma. 

Acompanhe o Especial Pelos Olhos de Dulce

João é barítono e estuda composição em Roma. Ele integra dois corais no Vaticano - o coro guia e o cabido da capela Júlia. 

"Vim para cá a convite do cardeal Dom Orani Tempesta, do Rio de Janeiro, para representar o Brasil  em um congresso de arte sacra em 2017. Acabei me encantando pela Itália e decidi morar aqui ", explica João, que tem mestrado em música sacra, e atualmente faz curso de autoformação em composição na  Academia Nacional de Santa Cecília, em Roma. A instituição existe desde o século 16.

"É importante para o Brasil ter uma santa brasileira. Vejo esse momento como uma expansão do Brasil dentro da da igreja"

Católico, João conta que está lisonjeado de participar das homenagens para Dulce. "Eu não conheço bem a história dela mas sei que ela teve uma importante missão em servir ao próximo. Me sinto muito honrado de participar das celebrações para ela" , explica João que só saberá o repertório que cantará na véspera - fato que é comum nas missas do Vaticano que participa. 

* Jorge Gauthier é chefe de reportagem do CORREIO e está em Roma para fazer a cobertura da canonização de Irmã Dulce

* O projeto Pelos Olhos de Dulce tem o oferecimento do Jornal CORREIO e patrocínio do Hapvida.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas