Carnaval 2019 tem o menor número de acidentes em 18 anos, diz PRF

salvador
07.03.2019, 22:00:00
Atualizado: 07.03.2019, 22:17:08

Carnaval 2019 tem o menor número de acidentes em 18 anos, diz PRF

Polícia Rodoviária Federal registrou redução de 50% no número de mortes nas rodovias federais do estado

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

A Operação Carnaval 2019, iniciada pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) na última sexta-feira (1º) e finalizada na noite dessa quarta-feira (6), registrou o menor número de acidentes em 18 anos nas rodovias da Bahia. A campanha, voltada principalmente para infrações como excesso de velocidade, embriaguez, ultrapassagens proibidas, além do uso de cinco de segurança, também fiscalizou os dispositivos de retenção para crianças.

Em nota, a PRF informou que contou com reforço nas equipes e concentrou seu efetivo no policiamento ostensivo e preventivo em locais e horários de maior incidência de acidentes graves e de criminalidade, distribuído em aproximadamente dez mil quilômetros de malha viária.

A Operação Carnaval 2019 está integrada à Operação Rodovida que começou no dia 14 de dezembro de 2018 e se encerrará no dia 10 de março de 2019. 

Infrações
"Apesar de todo o trabalho educativo, a PRF ainda flagrou e autuou diversos condutores imprudentes nas rodovias federais do estado. Nestes seis dias de Operação, a PRF autuou 6.277 condutores cometendo infrações diversas. Uma das infrações foi a ultrapassagem proibida, que lamentavelmente é a que mais causa acidentes com consequências graves. Registrou-se 1.760 autos. Vale enfatizar que a colisão frontal, quase sempre causada pelas ultrapassagens indevidas, é o tipo de acidente que mais provoca lesões graves e mortes em rodovias do país inteiro", diz a nota.

Foram fiscalizados um total de 14.332 veículos e 15.527 pessoas no período da operação. A PRF também realizou 7.537 testes com etilômetro (bafômetro), sendo lavrados 294 autos. Em comparação com o Carnaval de 2018, houve um aumento de 23%, segundo a polícia, tendo em vista que no ano anterior o número de autuados foi de 234 quanto à alcoolemia, considerado pela PRF uma "infração gravíssima", com multa de R$ 2.934,70.

Durante as fiscalizações, a PRF também emitiu 83 autos de infração para motociclistas sem capacete e 85 motoristas foram flagrados trafegando com crianças sem o dispositivo de segurança (cadeirinha). Já os autos emitidos aos veículos flagrados, pelos radares, acima da velocidade permitida para a via, totalizaram 4.933 infrações. 

Redução de acidentes, feridos e óbitos
Apesar do crescimento acelerado da frota nacional de veículos a cada ano, o balanço aponta uma redução no total de acidentes, feridos e mortos. Conforme dados do Departamento Nacional de Trânsito – Denatran, só no estado da Bahia a frota em 2018 totalizou 4.139.107 veículos.

Em relação ao mesmo período do ano anterior, a PRF na Bahia registrou uma redução de 31% no número de acidentes totais, 75 em 2018 contra 52 este ano. Destes, 13 foram acidentes graves, quando resultam em, pelo menos, um óbito ou ferido gravemente. 

Do total de acidentes registrados, 60 pessoas ficaram feridas, número que representa uma redução de 24% em relação ao mesmo período do ano passado. Este ano, três pessoas morreram durante o feriado nas rodovias federais baianas, redução de 50% com relação ao ano anterior, quando seis pessoas vieram a óbito.
 

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas