Casal é preso por morte de mulher que reclamou de maus tratos contra idosa

bahia
11.09.2020, 17:05:23

Casal é preso por morte de mulher que reclamou de maus tratos contra idosa

Crime ocorreu em Camaçari e, segundo a polícia, ainda teria envolvido crianças filhas do casal

Sônia dos Santos, 50 anos, morreu após, segundo a Polícia Civil, ter sido atacada por golpes de facão e faca por uma família em Camaçari, Região Metropolitana de Salvador. 

Além do casal, que foi preso nessa quinta-feira (10), duas crianças, de 10 e 12 anos, teriam atacado a vítima com golpes de arma branca. Ainda de acordo com a Polícia Civil, o crime ocorreu no dia 24 de agosto, após a mulher recriminar a forma como o pai de família tratava a mãe, uma idosa.

De acordo com a titular da 18ª DT/Camaçari, delegada Thais Siqueira, o crime, investigado até quarta-feira (9) como tentativa de homicídio, teve motivo fútil. 

“Sônia recriminou o autor pela forma com que ele tratava a própria mãe, causando um atrito entre eles. O homem, sua mulher e os dois filhos do casal, de 10 e 12 anos, atacaram a vítima a golpes de facão e faca”, detalhou a delegada, de acordo com informações da Secretaria da Segurança Pública (SSP).

O casal teve os mandados de prisão preventiva cumpridos por equipes da 18ª Delegacia (Camaçari), no bairro de Nova Vitória. 

Eles passaram por exames de lesões corporais e serão encaminhados para o sistema prisional. 

A adolescente de 12 anos teve um Boletim de Ocorrência Circunstanciado (BOC) lavrado e encaminhado ao Ministério Público (MP), por ato infracional análogo ao crime de homicídio.

Sônia dos Santos estava internada no Hospital Geral daquela cidade, e morreu na quarta-feira (9).

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas