Cenas de Carnaval: a Caetanave

salvador
11.02.2019, 05:00:00
(Marcelo Tinoco/1994/Arquivo CORREIO)

Cenas de Carnaval: a Caetanave

Criado por Orlando Tapajós, o trio é um marco na festa

Em 1969, Caetano Veloso seria responsável por uma música que chamaria a atenção do país para o Carnaval de Salvador: Atrás do Trio Elétrico. Mas o clima alegre daria lugar à melancolia do Pós-Tropicalismo, ainda mais que o artista baiano partiu para Londres em exílio. 

Três anos depois, Caetano voltaria ao país e Orlando Tapajós (1933-2018) resolveu dar um presente. Nada melhor do que usar seu talento no ofício de construir trios elétricos. Surgiria, assim, a Caetanave.

A ideia apareceu de forma curiosa, como relatou ao site G1. “Eu ia para São Paulo comprar material e comecei a ler uma revista no avião, quando vi uma nave francesa. Daí eu disse: isso dá um trio elétrico formidável. Mas a gente não podia pegar a revista para trazer. Aí eu fui no banheiro do avião, rasguei a página com todo cuidado, dobrei e botei no sapato. Daquela espaçonave eu projetei a Caetanave que vocês todos conhecem”, contou.

A  Caetanave revolucionou o Carnaval por sua concepção futurista e, claro, pela honra que era subir para tocar nela. Como toda nave espacial que se preze, estavam lá gravados os nomes de seus ‘projetistas’: Dodô & Osmar (criadores do trio elétrico) e Orlando Campos (nome de batismo de Tapajós).

No mesmo ano, serviria de título de disco do Trio Elétrico Tapajós, gravado ao vivo nas ruas do Rio de Janeiro, com canções como Chuva, Suor e Cerveja (Caetano Veloso), Cada Macaca no Seu Galho (Riachão) e Cavaleiro de Aruanda (Ronnie Von).

Carnaval 1999
Carnaval 1999 (Márcio Costa e Silva/Arquivo CORREIO)
Carnaval 2013
Carnaval 2013 (Mauro Akin Nassor/Arquivo CORREIO)
Carnaval 2016
Carnaval 2016 (Evandro Veiga/Arquivo CORREIO)
Capa do disco Caetanave (1972), do Trio Elétrico Tapajós
Capa do disco Caetanave (1972), do Trio Elétrico Tapajós (Reprodução)

Em 1992, Orlandinho Tapajós, filho de Orlando, trouxe a Caetanave de volta para a folia, prestando uma homenagem a seu pai. O trio ainda sairia mais alguns anos antes de novamente ficar parado. 

Carlinhos Brown, em 2015, seria o responsável por recuperar a Caetanave e trazê-la de volta aos circuitos do Carnaval. O multi-instrumentista chegou a usar o trio com parte da decoração do Sarau do Brown.

*Cenas de Carnaval é um oferecimento do Bradesco, com patrocínio do Hapvida e apoio da Claro, Fieb, Salvador Shopping, Vinci Airports e Unijorge


Relacionadas
Correio.play
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/trailer-final-de-star-wars-a-ascensao-skywalker-e-divulgado/
Imperador Palpatine retorna com destaque maior que nos outros trailers
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/apos-retirada-de-oleo-praias-de-morro-de-sao-paulo-tem-acesso-liberado/
Garapuá e Boipeba também foram limpas, mas banho de mar ainda não é recomendado
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/senhora-eduardo-bolsonaro-vira-meme-apos-correr-de-jornalistas-veja-video/
Novo líder do PSL na Câmara fez aparição surpresa na Câmara
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/torcedores-do-olympiacos-invadem-campo-e-agridem-fas-do-bayern/
Confusão aconteceu na partida dos times sub-19, antes do duelo da Liga dos Campeões
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/explosao-em-quintal-matou-ate-as-baratas-da-vizinha-nao-tem-mais-acabou/
Vídeo de caminhoneiro destruindo 'ninho' de insetos no Paraná viralizou; assista
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/mais-de-15-tonelada-de-oleo-ja-foi-retirada-de-duas-praias-de-morro-de-sao-paulo/
Banho na Segunda e Terceira praias está suspenso; vídeo mostra óleo em Garapuá
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/motorista-infarta-perde-controle-e-bate-onibus-em-loja-na-heitor-dias/
‘Estou passando mal, vou infartar’, disse motorista antes de perder controle de ônibus. Ele foi socorrido pra hospital
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/libaneses-cantam-baby-shark-para-acalmar-crianca-assustada-durante-protestos-veja/