Clara Mascarenhas, filha do cantor Canindé, morre aos 22 anos, vítima da covid-19

bahia
17.05.2021, 08:47:18
Atualizado: 17.05.2021, 09:41:50
(Foto: Acervo Pessoal)

Clara Mascarenhas, filha do cantor Canindé, morre aos 22 anos, vítima da covid-19

Jovem era estudante da Ufba

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

Morreu, na tarde deste domingo (16), a estudante Clara Mascarenhas, de 22 anos. Clara estava internada na UTI do hospital regional Vicentina Goulart, em Jacobina, mas não resistiu ao quadro de covid-19.

A jovem era filha do cantor Canindé. A mãe de Clara, a empresária Luciana Mascarenhas, também contraiu a doença, mas recebeu alta na última segunda-feira (10), informa o portal Augusto Urgente.

Clara estudava Música na Universidade Federal da Bahia (Ufba). Em nota, a universidade informou que a estudante integrava o Grupo de Violoncelos da Ufba.

A direção da Escola de Música definiu Clara como talentosa musicista, "dona de uma simpatia enorme e de uma personalidade acolhedora".

A jovem, inclusive, fez uma participação no DVD gravado pelo pai em 2020 tocando violoncelo numa música composta por Canindé em homenagem a ela. Assista:

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas