Com mudanças, Bahia está pronto para pegar o Sport; veja provável escalação

e.c. bahia
07.06.2022, 18:04:00
Atacante Rodallega deve formar o trio de ataque com Davó e Rildo em jogo contra o Sport (Foto: Bruno Queiroz/EC Bahia)

Com mudanças, Bahia está pronto para pegar o Sport; veja provável escalação

Tricolor vai ter alterações na defesa, meio e ataque

Apesar do pouco tempo de preparação, o Bahia está pronto para o clássico contra o Sport. A partida está marcada para esta quarta-feira (8), às 21h30, na Fonte Nova, pela 11ª rodada da Série B. Na tarde desta terça-feira (7), o tricolor realizou o último treino antes do duelo.

No CT Evaristo de Macedo, o técnico Guto Ferreira fez os últimos ajustes na equipe. O treinador não revelou a escalação, mas o Bahia vai ter mudanças. Na defesa, Ignácio está suspenso. Didi é o provável substituto. 

Já no meio-campo a ausência é o volante Rezende, que sofreu uma lesão na coxa. Entre os mais cotados para ficar com a vaga estão Lucas Mugni e Emerson Santos. O primeiro teve atuação decisiva na vitória sobre o Criciúma. Enquanto Emerson vinha sendo o substituto natural de Rezende. 

A expectativa é de que Guto realize mudanças no ataque. Depois de terem entrado bem contra o Criciúma, Rildo e Matheus Davó devem voltar a ser titulares junto com o colombiano Rodellaga. Nesse cenário, Marco Antônio, que retorna após cumprir suspensão, fica como opção no banco. 

Uma provável escalação do Bahia tem: Danilo Fernandes, Douglas Borel, Luiz Otávio, Didi e Luiz Henrique; Lucas Mugni (Emerson Santos), Patrick e Daniel; Rildo, Rodallega e Davó. 

Com 19 pontos, o Bahia está na vice-liderança da Série B. O Sport aparece uma posição abaixo, em terceiro, com 18 pontos.

***

Em tempos de desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informações nas quais você pode confiar. E para isso precisamos de uma equipe de colaboradores e jornalistas apurando os fatos e se dedicando a entregar conteúdo de qualidade e feito na Bahia. Já pensou que você além de se manter informado com conteúdo confiável, ainda pode apoiar o que é produzido pelo jornalismo profissional baiano? E melhor, custa muito pouco. Assine o jornal.


Relacionadas