Com presença de Vanderson Pitbull, Vitória encerra preparação para enfrentar o Remo

e.c. vitória
15.06.2021, 19:52:00
Atualizado: 15.06.2021, 20:08:57
Ramon Menezes, Vanderson, Wallace e Dinei durante treino do Vitória no estádio do Paysandu (Divulgação ECVitória)

Com presença de Vanderson Pitbull, Vitória encerra preparação para enfrentar o Remo

Desfalcado, Leão encara a equipe paraense na quarta (16), às 16h, em Belém

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

Ele já aposentou as chuteiras, mas segue sendo referência de raça nos gramados na memória dos rubro-negros. O ex-volante Vanderson Pitbull vestiu a camisa do Vitória de 2006 a 2010 e nesta terça-feira (15) matou a saudade de alguns ex-companheiros ao visitar o treino realizado pela equipe baiana nas instalações do Paysandu.

A atividade foi a última antes da partida contra o Remo, quarta-feira (16), às 16h, no estádio Baenão, em Belém, pela 4ª rodada da Série B do Brasileiro. 

Nascido em Santa Izabel do Pará, Vanderson jogou no Vitória ao lado de três integrantes do atual elenco rubro-negro. Com o técnico Ramon Menezes, atuou de 2008 a 2010. Teve a companhia do centroavante Dinei na temporada de 2008. O zagueiro Wallace foi com quem passou mais tempo, todo o período em que Vanderson esteve na Toca, de 2006 a 2010. 

“É uma emoção voltar a encontrar com essas feras. Todos sabem do carinho imenso que tenho pelo Vitória, onde fui muito feliz e fiz grandes amizades”, afirmou Vanderson ao site oficial do Vitória. Vice-campeão da Copa do Brasil em 2010, o ex-volante ergueu no mesmo ano a taça da Copa do Nordeste e se sagrou tetracampeão baiano (2007 a 2010). Ele ganhou uma camisa e posou para fotos. 

O ex-atacante baiano Vandick, ex-Catuense e Bahia, que jogou e foi presidente do Paysandu, também acompanhou o treinamento. Ramon Menzes realizou uma atividade tática e também trabalhou bolas paradas. 

Com lesão na panturrilha, o lateral direito Raul Prata desfalca o Vitória diante do Remo. Com a baixa, Gabriel Inocêncio foi relacionado pela primeira vez para uma partida do Leão. O atleta de 26 anos foi contratado pelo Vitória em maio e precisou passar por cirurgia no joelho direito por causa de uma lesão meniscal. Recuperado, ele pode estrear com a camisa vermelha e preta.

Cedric, que é lateral direito de ofício, mas no começo da temporada foi mais utilizado pelo ex-técnico Rodrigo Chagas como volante, também é opção. Van não está à disposição. Ele está em fase de transição após se recuperar de lesão. 

O Vitória deve entrar em campo com Lucas Arcanjo, Gabriel Inocêncio, Marcelo Alves, Wallace e Roberto (Pedrinho); Gabriel Bispo, Pablo Siles e Eduardo; Ygor Catatau, Samuel e Guilherme Santos.

O Remo também tem desfalques para o jogo desta quarta-feira. Wellington Silva e Marlon, com problemas físicos, são dúvidas. Suéliton e Lucas Tocantins, lesionados, seguem como baixas.

Uma possível escalação do Remo diante do Vitória é: Vinícius, Thiago Ennes, Romércio, Jansen, Igor Fernandes (Marlon), Uchoa, Lucas Siqueira, Felipe Gedoz, Jefferson, Renan Gorne e Dioguinho. 


***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas
  • Assinaturas: 71 3480-9140
  • Anuncie: 71 3203-1812
  • Ache Aqui Classificados: 71 3480-9130
  • Redação: 71 3203-1048