Curso ensina a identificar os aromas do vinho em Vitória da Conquista

paula theotonio
08.08.2019, 05:00:00

Curso ensina a identificar os aromas do vinho em Vitória da Conquista


Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

A sommelière Juliana Britto ensina a identificar aromas primários e os nada óbvios também (foto/Paula Theotonio/divulgação)

Pode até não parecer, mas identificar aromas em vinhos não é algo restrito aos seres superiores que habitam a Terra. Com algum treinamento e atenção, qualquer pessoa pode perceber os principais componentes aromáticos da bebida. Com o propósito de ajudar bebedores de Vitória da Conquista (BA) a reconhecer essas fragrâncias, a sommelière Juliana Britto realizará, em 13 de agosto no Box 111 Adega & Distribuidora, o curso prático Aromas do Vinho.

Na capacitação, os participantes irão aprender a diferenciar os aromas primários, que vêm da uva e do terroir; secundários, provenientes da fermentação e demais modos de produção; e terciários (ou bouquet aromático), resultantes do estágio em carvalho e envelhecimento mais longo.

Frutas e flores, por exemplo, são primários. Mas há alguns “cheirinhos” nada óbvios, como sal ou pedra de regiões próximas ao mar; ou um olor defumado que a fruta adquiriu devido a um incêndio próximo aos parreirais. “Certa vez, abri um tinto uruguaio cujas videiras eram plantadas em meio aos pastos. O primeiro aroma que ele exalou foi de estrume! Após o vinho ser aerado, esse odor se esvaiu - abrindo espaço para os demais perfumes que ele continha”, exemplifica a sommelière.

De acordo com Juliana Britto, compreender esses olores traz diversos benefícios para quem aprecia gastronomia. “Você identifica mais facilmente os vinhos que gosta; desenvolve o olfato não só para vinhos, mas para bebidas em geral; aumenta a sensibilidade do paladar, passando a comer melhor, e se diverte mais na hora de abrir um rótulo”, defende a profissional.

O curso custa R$ 120 e as inscrições podem ser feitas pelo telefone (77) 3422-2111, entre 12h e 20h. O Box 111 está localizado na Av. Cândido Sales, 111, Bairro Recreio, Vitória da Conquista.

Memória olfativa e os aromas do vinho

Segundo Juliana Britto, a percepção desses “perfumes” é bastante pessoal. “Existem centenas de componentes aromáticos já identificados em laboratórios de química, mas os sentimos conforme nossa memória olfativa. Nossas vivências, a disponibilidade de alimentos e odores aos quais somos expostos ao longo da nossa vida, tudo isso influencia nessa leitura do olfato”, conta a especialista.

No Nordeste, por exemplo, é comum que os bebedores sintam notas de abacaxi, carambola e tangerina em brancos; morango em rosés; e, em tintos, essências de goiaba, ameixa, pimentão, pimenta preta, noz-moscada, chocolate e couro. “Por outro lado, dificilmente um brasileiro vai sentir aromas de alcaçuz, comum em território português e base para um doce nos EUA. E essa nota costuma aparecer bastante nos descritivos de tintos”, explica a sommelier.

Para despertar essa sensibilidade nos sentidos e até criar novas conexões olfativas, a sommelier disponibilizará mais de 40 aromas in natura, junto a degustações de vinhos. “Teremos, ainda, um exercício prático em que cada participante irá colocar em taças os ingredientes que ele acredita conter no vinho que está bebendo”, revela Juliana.

Serviço:

O que: Curso Aromas do Vinho, com a sommelière Juliana Britto

Onde: Box 111 Adega & Distribuidora

Quando: 13/08, das 18h30 às 22h

Para quem: Bebedores iniciantes e experientes de vinhos

Por que: Para ajudar apreciadores de vinhos a compreender aromas de vinhos

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas