De bolsas de estudo a vagas em Portugal: veja como você pode usar a nota do Enem

salvador
18.01.2020, 06:00:00
Atualizado: 20.01.2020, 11:27:03
Universidade do Porto aceita nota do Enem (Divulgação)

De bolsas de estudo a vagas em Portugal: veja como você pode usar a nota do Enem

Notas do exame foram divulgadas nesta sexta (17) e na terça começa as inscrições do Sisu

Acabou a ansiedade dos estudantes para saber o resultado do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), que foi divulgado nesta sexta-feira (17). Agora, é hora de decidir onde aplicar a nota do teste. É possível ingressar em instituições públicas e particulares de ensino, conseguir bolsas de estudo, financiar um curso e até estudar fora do país. Com tantas possibilidades, é necessário pesquisar qual é a melhor opção para cada estudante, indica Maria Fernanda Alves, psicóloga do serviço de apoio à escolha profissional do Quero Bolsa.

Apesar de ser o que determina o ingresso ou não do candidato em uma instituição de ensino, a psicóloga ressalta que o estudante não pode permitir que a nota do Enem determine completamente a escolha do curso. “O processo de escolha de uma profissão é bem longo. O jovem deve refletir sobre o mercado de trabalho e pensar na graduação que ele realmente deseja fazer”, diz.

(Divulgação/MEC)

Fazer a escolha errada no Sistema de Seleção Unificada (Sisu) pode acabar com a chance do candidato de entrar em um curso que ele gosta mais. O sistema permite que o estudante escolha até duas opções de graduação, mas não é possível se matricular no curso de preferência caso ele passe na segunda opção. Por isso, Alves aponta que é interessante fazer simulados da nota na internet e se inscrever no Sisu com uma certa certeza das opções viáveis.

“Desde já, o aluno já pode usar um simulador para checar se ele passaria ou não no curso desejado com base na nota de corte nos anos anteriores. É importante ele anotar os resultados para fazer uma lista com as faculdades e o curso que tem interesse antes de se inscrever no Sisu”, explica. O site do Quero Bolsa, inclusive, possui um simulador de nota de corte do Enem.

Na Bahia são 15.440 vagas, distribuídas em 11 universidades públicas do estado (Ufba, Uneb, Ifba, IF Baiano, Uesc, Uesb, Uefs, UFRB, UFSB, Ufob e Univasf).

Além das instituições públicas, o estudante também pode escapar do vestibular ao usar a nota do Enem em faculdades particulares. Entretanto, não existe um sistema único que reúne as opções disponíveis. Instituições de Salvador como a Unifacs, a Unijorge, a UniFTC e a Escola Bahiana de Medicina e Saúde Pública, permitem que o interessado tente uma vaga com a pontuação do exame.

As faculdades privadas também ofertam bolsas de estudo com base no resultado do Enem. No site da UniFTC é possível calcular a nota do aluno no Enem para simular bolsas de até 100% em todo o curso. Cada instituição possui um regulamento específico para a utilização da nota do exame, mas o site do Quero Bolsa permite que o vestibulando pesquise as opções de desconto por todo o país.

Quem optar por instituições particulares de ensino ainda pode conseguir bolsas de estudo do governo com a nota do Enem. O Programa Universidade para Todos (Prouni), por exemplo, permite que os estudantes ganhem um auxílio integral ou parcial para os custos da educação superior. Podem receber o auxílio estudantes que cursaram o ensino médio integral ou parcialmente na rede pública ou na rede particular com bolsa de 100%. Para isso, o candidato deve ter renda familiar per capita de até três salários. Pessoas com pessoas com deficiência e professores da rede pública também podem se candidatar, mas no caso dos educadores não é preciso comprovar renda.

O candidato que vai estudar em uma universidade paga também pode financiar os estudos e amortizar o valor após a conclusão do curso com o Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) e o Programa de Financiamento Estudantil (P-Fies). Por ser uma opção de empréstimo, a psicóloga alerta que o estudante deve analisar as condições de pagamento e se vai ser possível quitar a dívida com o governo no futuro.

“É bem complicado pagar a dívida depois. Nesse caso, a dica é ter certeza sobre o curso que vai se matricular e saber sobre as ofertas de vaga de emprego na região em que o vestibulando vive. Tem gente que se matricula no curso, mas depois não consegue emprego e carrega a dívida”, conta.

Mesmo sendo um exame brasileiro, quarenta e sete universidades de Portugal também aceitam o Enem. Isso é possível devido a um acordo interinstitucional entre as instituições e o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep). Quem se interessar pela oportunidade pode tentar uma vaga na Universidade de Coimbra e na Universidade de Lisboa, por exemplo. As instituições definem a forma de usar a nota do Enem no processo seletivo e o governo brasileiro não transfere recursos nem paga auxílios estudantis aos aprovados. A lista com as entidades conveniadas podem ser acessada na página do Enem Portugal.

“Muitos estudantes querem passar um período no exterior. Na Unijorge, várias pessoas nos procuram para fazer intercâmbio e nós temos convênio com 50 instituições no mundo. Se esse é o seu desejo, é importante checar com calma quais são os programas de intercâmbio que a universidade oferece”, afirma o reitor da Unijorge, professor doutor Guilherme Marback.

A gerente de Marketing da Unifacs, Carla Batista, afirma que os estudantes devem conhecer bem a qualidade da instituição antes de fazer a escolha definitiva. “A reputação da instituição é muito importante, é necessário ver as notas que o Ministério da Educação deu para a faculdade. Rankings como o do guia do estudante e da Folha também são ótimas fontes de pesquisa”, diz.

Sistema de Seleção Unificada (Sisu)
As inscrições são gratuitas e podem ser feitas no site do Sisu entre os dias 21 a 24 de janeiro. No processo seletivo, os candidatos que fizeram o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 2019 e obtiveram nota na redação maior que zero podem concorrer às 237.128 vagas ofertadas pelo Sisu 2020.1 em 128 instituições públicas de ensino superior. Treineiros não podem participar do processo seletivo.
No Sisu, é possível escolher até duas opções de curso. Algumas instituições utilizam pesos para calcular a nota do candidato e também é possível que os candidatos tenham que possuir uma média mínima e/ou nota mínima para ser aceito no curso.
O candidato pode alterar a opção de curso enquanto o processo seletivo estiver aberto. A partir do segundo dia, o Sisu divulga diariamente a nota de corte para cada curso.
Ao ser selecionado na 1ª ou 2ª opção, o vestibulando só terá esta oportunidade de se matricular e não poderá fazer parte da lista de espera.
Quem não foi selecionado pode participar da lista de espera manifestando o interesse em uma das vagas no site do Sisu entre os dias 29 janeiro e 4 fevereiro. As convocações para matrícula devem ser acompanhadas junto à instituição escolhida.
Para se inscrever é necessário informar o número de inscrição do Enem 2019 e a senha mais atual cadastrada no site do exame.
Datas
Inscrições: 21 jan a 24 jan
Resultado da chamada regular: 28 jan
Matrícula da chamada regular: 29 jan a 4 fev
Prazo para participar da lista de espera: 29 jan a 4 fev
Convocação dos candidatos em lista de espera pelas instituições: 7 fev a 30 abr

Fundo de Financiamento Estudantil (FIES) e Programa de Financiamento Estudantil (P-Fies)
Os programas concedem financiamento a estudantes em cursos superiores pagos, que tem avaliação positiva no Ministério da Educação.
Para se inscrever em ambas modalidades o candidato deve ter renda familiar mensal bruta per capita entre um e três salários mínimos. Já na inscrição exclusiva no P-Fies, pode concorrer ao financiamento vestibulandos que possuem renda familiar mensal bruta, por pessoa, de três a cinco salários mínimos.
Também é necessário ter obtido média igual ou superior a 450 no Enem a partir da edição de 2010 e não ter zerado a redação. As inscrições são feitas pelo site Fies. A seleção ocorre entre 5 a 12 de fevereiro.
O percentual mínimo de financiamento é 50% do encargo educacional, já o teto do aporte é calculado de acordo com a renda familiar mensal bruta per capita. O valor máximo concedido por semestre é de R$ 42.983.
Os financiamentos concedidos do Fies para este primeiro semestre terão taxa real zero de juros. As condições de concessão do financiamento do P-Fies serão definidas entre o banco, a instituição de ensino superior e o estudante.
Datas:
Inscrições: 5 a 12 de fevereiro
Resultado: 26 de fevereiro
Complementação da inscrição na modalidade Fies: 27 de fevereiro a 2 de março 
Complementação da inscrição postergada: 3 a 5 de março
Lista de espera da modalidade Fies: 28 a 31 de março

Programa Universidade para Todos (Prouni)
Estudantes que cursaram o ensino médio integral ou parcialmente na rede pública ou na rede particular na condição de bolsistas integrais e que possuam renda familiar per capita de até três salários mínimos podem conseguir bolsas de estudo em cursos de graduação e sequenciais de formação específica.
Também podem se candidatar pessoas com deficiência e professores da rede pública, no último caso não é preciso comprovar renda.
Os candidatos não podem ter diploma de curso superior para se inscrever no site do programa. Ainda é necessário ter feito o Enem 2019 e ter obtido uma nota mínima de 450 na média aritmética dos pontos obtidos no exame. Para participar do processo seletivo do Prouni a nota na redação do teste tem que ser maior que zero.
Para solicitar uma bolsa integral, a renda familiar bruta mensal per capita não pode ultrapassar 1,5 salário-mínimo. Já o auxílio parcial só é concedido para candidatos com a renda familiar bruta mensal per capita de até 3 salários mínimos.
O Prouni ainda possui ações conjuntas de incentivo à permanência dos estudantes nas instituições, como a Bolsa Permanência e ainda o Fundo de Financiamento Estudantil - Fies, que possibilita ao bolsista parcial financiar parte da mensalidade não coberta pela bolsa do programa.
Datas
Inscrições: 28 de janeiro a 31 de janeiro 
Divulgação de resultados da primeira chamada: 4 de fevereiro;
Comprovação das informações e eventual processo seletivo próprio das instituições (primeira chamada): 4 a 11 de fevereiro;
Registro no SISPROUNI e emissão dos termos pelas instituições (primeira chamada): 4 a 14 de fevereiro;
Divulgação dos resultados da segunda chamada: 18 de fevereiro;
Comprovação das informações e eventual processo seletivo próprio das instituições (segunda chamada): 18 a 28 de fevereiro;
Registro no SISPROUNI e emissão dos termos pelas instituições (segunda chamada): 18 de fevereiro a 3 de março.

Ingresso em faculdades particulares
Faculdades particulares também aceitam a nota do Enem, com o recurso é possível aproveitar a pontuação no teste e não fazer o vestibular específico, com exceção nos cursos de medicina. As instituições de ensino superior de Salvador também oferecem a opção, em alguns casos, como na Uniftc e na Unifacs exames antigos também são aceitos.

Bolsas
Além de permitir o ingresso nas instituições, a nota do Enem também pode garantir uma bolsa em faculdades particulares de Salvador. Cada universidade possui regras específicas 

Enem em Portugal
Ao todo, 47 universidades, institutos politécnicos e escolas superiores de Portugal utilizam os resultados do Exame Nacional do Ensino Médio nos processos seletivos. A lista pode ser acessada no site do programa. Cada instituição define as regras para o ingresso de brasileiros com o resultado do Enem. O governo brasileiro não transfere recursos nem paga auxílios estudantis aos aprovados.


Relacionadas
Correio.play
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/minuto-de-carnaval-e-preciso-se-cuidar-para-aguentar-todos-os-dias-de-folia/
Chefe de reportagem Jorge Gauthier dá dicas para ficar atento à saúde
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/rui-costa-se-nao-vai-ajudar-pelo-menos-me-deixe-trabalhar-em-paz/
Governador falou em "perseguição" do governo federal
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/minuto-de-carnaval-hoje-tem-o-ultimo-ensaio-do-cortejo-afro-no-pelourinho/
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/confira-os-melhores-momentos-de-vitoria-0x0-freipaulistano/
Leão segue invicto em 2020 e na zona de classificação
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/minuto-de-carnaval-hoje-tem-furdunco-e-banho-de-mar-a-fantasia/
O chefe de reportagem Jorge Gauthier apresenta quadro
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/minuto-de-carnaval-hoje-tem-fuzue-e-festa-no-mar/
O chefe de reportagem Jorge Gauthier apresenta quadro
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/diretora-baiana-fala-sobre-nu-artistico-de-mulheres-com-mais-de-60-muito-amor/
No documentário Nuas e Cruas, Mariana Ayumi, 21, reflete sobre corpo, nudez e feminismo
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/rica-em-historia-igreja-de-sao-domingos-e-pouco-explorada-no-turismo-religioso/
Local é ofuscado pela fama do Convento de São Francisco, a Igreja do Ouro
Ler Mais