Eduardo, Soares ou Bruno Oliveira: quem será o meia do Vitória na Série B?

e.c. vitória
20.05.2021, 05:00:00
Meia Soares marcou três gols com a camisa do Vitória nesta temporada (LETÍCIA MARTINS / ECV)

Eduardo, Soares ou Bruno Oliveira: quem será o meia do Vitória na Série B?

Ninguém se firmou na posição de armador na atual temporada

Quem será o maestro do Vitória na Série B do Campeonato Brasileiro? Às vésperas da estreia no torneio nacional, essa ainda é uma incógnita para o torcedor rubro-negro. Nos três primeiros meses da temporada, alguns jogadores tentaram assumir esse posto, mas, por motivos diversos, nenhum deles conseguiu se firmar de verdade como armador do time. 

Eduardo, Soares e Bruno Oliveira são os candidatos para a estreia contra o Guarani, no dia 28, às 19h, no estádio Brinco de Ouro, em Campinas. Eles são os únicos meias disponíveis no elenco atualmente, já que Gabriel Santiago ainda se recupera após cirurgia no joelho. Como o procedimento foi no final de março e a previsão de tratamento é de seis meses, o jogador só estará à disposição em setembro. 

Prata da casa e principal aposta do Vitória para a criação das jogadas no começo da temporada, Eduardo desempenhou o papel nos dois primeiros jogos do ano, no empate com o Unirb (3x3) e no triunfo contra o Atlético de Alagoinhas (2x1), ambos pelo Campeonato Baiano, e desfalcou o time logo depois. Com problema de hérnia de disco, o meia de 20 anos passou 62 dias longe dos gramados tratando as dores lombares.

O retorno às quatro linhas foi marcante. Em 17 de abril, Eduardo deixou o banco para anotar o gol do triunfo por 2x1 contra o Altos, que classificou o Vitória às semifinais da Copa do Nordeste. Ele foi utilizado como titular no jogo seguinte, no empate em 1x1 com a Juazeirense, e entrou no decorrer da derrota por 2x0 contra Ceará e do triunfo pelo mesmo placar diante do Vitória da Conquista. O meia contraiu covid-19 e ficou fora dos últimos jogos disputados pelo time no estadual. No total, entrou em campo apenas seis vezes este ano e deu uma assistência. 

Soares teve covid-19 na mesma época e também precisou ser afastado, justamente quando havia conquistado algum espaço no time. Apesar de estar à disposição em praticamente todo esse começo de temporada, o jogador de 23 anos só foi utilizado em nove partidas, cinco delas como titular. Apresentou boas investidas ofensivas, deu uma assistência e marcou três gols. 

Bruno Oliveira ainda vai iniciar suas estatisticas com a camisa vermelha e preta. Emprestado pela Caldense até o final da temporada, o meia de 23 anos defendeu a equipe mineira este ano em 13 jogos e marcou três gols. Ele é o único meia entre os cinco reforços contratados para a disputa da Série B do Campeonato Brasileiro. 

TENTATIVAS

Além de Eduardo e Soares, jogadores de outras posições foram testados na função por Rodrigo Chagas. Antes de se machucar, o volante Fernando Neto atuou como peça mais adiantada do meio-campo. Agora que está recuperado de lesão, ele volta a ser opção quando Rodrigo optar por uma escalação mais conservadora. Os atacantes Alisson Farias, Vico e Ruan Nascimento, emprestado ao Atlético-MG, também foram testados, mas sem sucesso.  

No ano passado também demorou até que um jogador se firmasse na posição de meia. Até Thiago Lopes ser contrataoo, no final de outubro, Eduardo, Matheus Tenório, Gerson Magrão e Marcelinho não conseguiram sucesso e manutenção no time.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas