Em live, Xuxa fala sobre sexo após virar vegana: 'Muito bom'

em alta
22.09.2020, 23:36:00
Atualizado: 23.09.2020, 00:37:37
(Reprodução/Instagram)

Em live, Xuxa fala sobre sexo após virar vegana: 'Muito bom'

No bate-papo ao vivo, a apresentadora divulgou seu mais novo projeto, a biografia Memórias

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

Durante entrevista para divulgar a sua biografia Memórias nesta segunda-feira (21), Xuxa Meneghel deu detalhes sobre a produção do livro e alertou também sobre as queimadas que estão acontecendo na Amazônia. A rainha recebeu a notícia ao vivo de que mesmo antes da estreia oficial de sua biografia autorizada, o registro já ganhou o Livro de Ouro apenas com as pré-vendas.

Além de divulgar o seu novo projeto, Xuxa não deixou de falar sobre o veganismo e a importância do ativismo animal e afirmou que “os humanos pagam para matar os animais” e que com isso a sociedade está sustentando a indústria agropecuária.

A apresentadora fez questão de ressaltar que além das melhores para a vida a dois, o seu corpo desinchou e a qualidade da pele melhorou. “A gente não precisa ingerir proteína animal. Se o boi come a proteína que vem do verde, vamos direto para a fonte que a gente tira as toxinas, os antibióticos, os hormônios e também o sofrimento deles”, disse.

Xuxa bateu muito na tecla do quanto é importante perder o hábito de consumir carne animal. “Os humanos pagam para matar os animais” e que com isso “a sociedade está sustentando a indústria agropecuária”, revelou.

A estrela do Dancing Brasil deu detalhes ainda sobre a sua vida sexual com o esposo, Junno Andrade – que acompanhava ao lado da mãe de Saha a pergunta constrangedora. Antes de falar sobre a sua relação sexual, a loira caiu na gargalhada mas não fugiu da raia. “Se já era bom antes, agora a gente entrou no paraíso, porque o negócio é muito bom. Vamos falar claro com as pessoas: tudo melhora, sério. Eu já tinha muita vitalidade, dobrou. Três, quatro horas (da manhã) e a gente querendo. Mas é que tudo melhora. A gente acabou de fazer exame de sangue agora e está tudo muito bom, os hormônios estão melhores. Não é à toa que triatletas estão virando veganos, o Arnold Schwarzenegger também é”, disse.

Meneghel contou que falou de todos as pessoas que fizeram parte de sua vida e que escreveu exatamente o que acreditava ser necessário. “Eu falei do abuso. Eu falei do Pelé. Eu falei da Marlene. Eu quero deixar claro que são as minhas memórias e não as memórias deles. Mas eu falei exatamente o quanto eu acho relevante cada assunto, sabe. Eu tenho marcas até hoje por causa do abuso e se isso aconteceu comigo pode acontecer com qualquer Maria e qualquer João", disse.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas