Empresário de Léo Ceará revela sondagem do Bahia pelo atacante

e.c. vitória
15.01.2021, 13:20:00
Atualizado: 15.01.2021, 13:29:44
Léo Ceará é o artilheiro do Vitória na Série B (Letícia Martins/EC Vitória)

Empresário de Léo Ceará revela sondagem do Bahia pelo atacante

Artilheiro ficará no Vitória só até o fim da Série B, no dia 30

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

Léo Ceará ainda tem quatro jogos a disputar com a camisa do Vitória para ajudar o clube a se manter na Série B, mas não seguirá na Toca do Leão depois. Inicialmente, o contrato encerrava em 31 de dezembro de 2020, mas foi renovado até 28 de fevereiro em função do adiamento da competição por causa da pandemia do coronavírus. O campeonato termina em 30 de janeiro, e o vínculo um pouco mais estendido se deu por precaução, prevendo atraso ou nova paralisação do torneio. No entanto, uma cláusula libera o jogador após a 38ª rodada.

Empresário do atacante, Bruno Ferreira confirma que outra renovação com o Vitória não é cogitada, assim como a própria diretoria rubro-negra já admitiu. “Descartada. Não renova. Vai ajudar o clube no que for possível para se manter na Série B”.

Segundo ele, Léo Ceará já foi procurado por clubes do Brasil e do exterior, mas nenhum pré-contrato foi assinado. O agente revelou que o rival Bahia chegou a sondar o camisa 9 depois do anúncio de que ele não ficará na Toca, feito em agosto do ano passado.

“Muitos. Palmeiras, Bahia, Ceará, Fortaleza, clubes do Japão, Portugal e Emirados Árabes. Não assinou porque sabemos que iremos conseguir algo melhor para o atleta. Léo está fazendo gols e será o artilheiro da Série B”, disse Ferreira, sem revelar com qual mercado está negociando o atleta. “Vamos fechar o que for melhor para Léo. Fizemos um projeto de carreira para ele e está dando tudo certo”, resumiu.

Com 14 gols na Série B, Léo Ceará é o vice-artilheiro da competição. Está atrás de Caio Dantas, autor de 17 e que nesta semana deixou o Sampaio Corrêa para jogar no exterior, em um clube que ainda não foi revelado. O rubro-negro terá a chance de assumir a artilharia nos jogos contra Chapecoense, Guarani, Botafogo-SP e Brasil de Pelotas.

Procurado pela reportagem, o Bahia informou que não comenta especulações sobre saídas ou chegadas de jogadores.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas