Equipes de resgate buscam 6 corpos em escombros de edifício no México

mundo
03.10.2017, 15:31:41
(Israel Ministry of Foreign Affairs)

Equipes de resgate buscam 6 corpos em escombros de edifício no México

Já são 43 corpos retirados, dos quais 42 foram plenamente identificados

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

As equipes de resgate buscam seis pessoas em um edifício que desabou após o terremoto do último dia 19 de setembro, o único que ainda tem a presença de socorristas, depois da recuperação de dois corpos na madrugada desta segunda-feira. A informação é da Agência EFE.

"No dia de hoje, ao longo da madrugada, retiramos dois corpos mais, de dois homens. Já são 43 corpos retirados, dos quais 42 foram plenamente identificados", disse Valetín Oñate, representantes de familiares de pessoas que ficaram presas no imóvel.

O diretor-executivo do Esquadrão de Resgate e Emergências Médicas da Cidade do México, Guido Sánchez, disse que, depois de terem sido realizadas várias sondagens nos escombros, as máquinas começaram a retirar partes completas de concreto da região.

"O que estamos fazendo agora é retirar pedaços completos dos andares para poder descartar qualquer presença de corpos. Foi dessa forma que chegamos ao quarto andar e achamos os dois corpos", disse.

Nesse imóvel em Roma, um dos bairros da Cidade do México, estão sendo realizados os últimos esforços para encontrar vítimas do terremoto de magnitude 7,1 graus que deixou até então 363 mortos.

O subsecretário de Direitos Humanos do governo do México, Roberto Campa, disse que esse trabalho está sendo realizado para cumprir a promessa das autoridades de encontrar todas as vítimas.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas